Tech3 recebe proposta irrecusável e opta por romper parceria de 20 anos com Yamaha a partir de 2019

Yamaha e Tech3 surpreenderam na manhã desta quinta-feira (22) ao anunciar o fim da parceria para 2019. A marca dos três diapasões fornece as motos do time francês há 20 anos

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Yamaha e Tech3 surpreenderam na manhã desta quinta-feira (22). Em um comunicado enviado à imprensa, a montadora de Iwata e a equipe francesa anunciaram que 2018 será o último ano de uma longa parceria.
 
De acordo com a companhia nipônica, a decisão de encerrar o vínculo de 20 anos foi do time de Hervé Poncharal. 
 
“A Yamaha aceitou a decisão da Tech3 e vai fornecer seu apoio total ao time até a última corrida da temporada 2018”, frisou.
Tech3 vai se despedir da Yamaha em 2018 (Foto: Tech3)
Ainda, a Yamaha afirmou que “a Tech3 vai continuar sua participação no Mundial de MotoGP (e de Moto2) e vai anunciar seus planos para 2019 e além mais tarde”.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

A marca dos três diapasões, por sua vez, afirma que “está no processo de decidir se terá uma escuderia satélite para 2019 e, em caso positivo, qual será a forma de colaboração”.
 
“Muito recentemente, nós fomos informados por Hervé Poncharal, dono da Tech3, de que ele decidiu não estender seu contrato com a Yamaha de alugar as motos YZR-M1”, disse Kouchi Tsuji, presidente da Yamaha Motor Racing. “Depois de conversas com Hervé, ficou claro que ele decidiu se aliar a um novo parceiro para o futuro e, portanto, lamentavelmente, fomos obrigados e respeitar e aceitar a decisão dele”, seguiu.
 
“O fim de uma parceria tão bem sucedida é sempre um pouco triste, já que também marca o fim de uma relação de longo prazo. Nós somos muito gratos à lealdade e ao apoio à marca Yamaha de Hervé e aos excelentes resultados obtidos ao longo deste tempo”, afirmou Tsuji. “Vamos continuar a oferecer nosso apoio total à Tech3 e seus pilotos ao longo da temporada 2018, enquanto simultaneamente avaliamos nossas opções para uma equipe alternativa no Mundial de MotoGP para 2019 e além”, assegurou.
 
Chefe da Tech3, Poncharal classificou a parceria com a Yamaha como “incrível”, mas avaliou que era hora de mudar.
 
“Resumir 20 anos de uma parceria incrível entre a Tech3 e a Yamaha em poucas palavras seria uma missão muito difícil. Desde que conhece o Sr. Iio em 1998, quando ele me deu a oportunidade de me juntar à Yamaha Motor Corporation, foi uma extraordinária jornada juntos. Tudo que me lembro são de memórias fantásticas, ótimos resultados, uma atmosfera fantástica e sentimentos surpreendentes que compartilhamos com a família Yamaha, que estará sempre na minha mente e no meu coração”, afirmou Hervé. “Claramente, o fim de uma parceria como esta é uma grande decisão para mim. Tudo que quero dizer é mais do que um enorme obrigado à Yamaha, ao Sr. Tsuji, ao Sr. [Kouji] Tsuya, ao Sr. [Lin] Jarvis e ao Sr. [Kazuhito] Nakajima, além de todos os caras que têm nos apoiado e ajudado”, seguiu.
 
“A Tech3 é uma companhia pequena que tem sempre de pensar no futuro e pesar as diferentes opções. Nos ofereceram um acordo que inclui algo que temos esperado quase desde que começamos a Tech3 e eu não podia dizer não”, revelou. “Mas, obviamente, somos o time Monster Yamaha Tech3 até a última volta do GP de Valência de 2018. Johann Zarco e Hafizh Syahrin estarão lutando por posições top e, sem dúvida, a Yamaha pode contar conosco para sermos um parceiro fiel”, avisou.
 
“Mais uma vez, um enorme obrigado à Yamaha pelo apoio. Eu espero que eles possam continuar e ter o sucesso que merecem e, eventualmente encontrar um parceiro para substituir a Tech3”, concluiu.
 
Poncharal já tinha manifestado o temor em relação à possibilidade de Valentino Rossi ganhar um time na MotoGP, já que entende que o #46 teria a preferência da Yamaha como time satélite.
 
Assim que o anuncio do rompimento foi anunciado, a KTM passou a ser relacionada como possível parceria da Tech3.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube