Tech3 vê MotoGP competitiva e diz que sonhar com pódio “não é loucura completa”

Chefe da Tech3, Hervé Poncharal lembrou a alta competitividade mostrada pela MotoGP nos testes da pré-temporada. Mesmo esperando os protagonistas de sempre, o francês também conta com surpresas ao longo da temporada 2020

Hervé Poncharal acredita que não é loucura pensar em um pódio da Tech3 na temporada 2020 da MotoGP. O dirigente francês lembrou que o campeonato terá uma dinâmica diferente por causa da programação reduzida, mas a competitividade demonstrada na pré-temporada é um indício positivo.

Por enquanto, a temporada 2020 prevê 13 etapas, mas ainda existe uma indefinição em relação às provas de Austin, Argentina, Malásia e Tailândia. Com ou sem essas corridas, o calendário é bastante denso, o que vai ser um fator de dificuldade a mais para pilotos e equipes.

Hervé Poncharal é também o presidente da Associação das Equipes (Foto: Divulgação)
Paddockast #67 | Barrichello melhor que Schumacher?
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

Às vésperas de iniciar o campeonato, o segundo como equipe satélite da KTM, o chefe de Miguel Oliveira e Iker Lecuona se mostrou confiante de um bom desempenho das RC16.

“Acho que o fato de termos tantas corridas seguidas vai ser um sprint incrível, onde a velocidade, mas também o cérebro, vão contar”, disse Poncharal ao site da MotoGP. “O que pudemos ver nos testes de Sepang e do Catar é que tínhamos entre 15 e 18 pilotos separados por 1s. Então dá para ver que será uma temporada incrivelmente empolgante, com resultados abertos”, indicou.

“Sabemos que Marc [Márquez], Fabio [Quartararo], Maverick [Viñales], Andrea [Dovizioso] são os caras que certamente estarão na frente. Mas o grupo será apertado”, frisou. “Eu estava falando com Miguel e, acredite, se tivermos a chance de fazer um top-5 ou de lutar pelo pódio ― não é uma loucura completa dizer isso ―, essa é uma possibilidade e, se você não sonha alto, você nunca consegue grandes coisas”, completou.

Oliveira, aliás, fará sua última temporada com a Tech3. No ano que vem, o português será promovido à KTM para formar par com Brad Binder, com Danilo Petrucci chegando para ocupar o lugar do #88. Pol Espargaró ainda não teve seu futuro confirmado, mas a expectativa é que ele ocupe o lugar de Álex Márquez na Honda.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube