Valência renova com MotoGP até 2026 em esquema de ‘rodízio’ de pistas

O circuito espanhol estendeu seu acordo com o Mundial de Motovelocidade e se torna o primeiro a entrar no esquema de rodízio da categoria. Entre 2022 e 2026, vai receber três corridas da classe rainha

Valência firmou uma extensão de contrato para seguir no calendário da MotoGP. Entretanto, se tornou o primeiro circuito do atual calendário que não tem garantia de receber eventos em todas as temporadas.
 
No contrato com a categoria, está especificado que o autódromo espanhol recebe ao menos três corridas entre os anos de 2022 e 2026.
“O GP de Valência está garantido de acontecer em 2022 e, depois, vai alterar com outros circuitos da península ibérica até 2026”, explicou o comunicado da Dorna emitido nesta sexta-feira.
 
A partir de 2022, a Dorna estuda o revezamento das etapas espanholas e Portugal. Em um campeonato que vai passar a ter 22 corridas, a categoria quer evitar cinco corridas na península ibérica.
 
Os outros circuitos espanhóis que também compõe o calendário do Mundial de Motovelocidade são Barcelona, Jerez de la Frontera e Aragão, com o possível retorno da prova lusitana.
Valentino Rossi (Foto: Yamaha)

 “A Dorna garante a comunidade valenciana que, durante esses cinco anos, terão três corridas na pista. Como Valência é a primeira a aceitar a rotação, vai estar no calendário quando o revezamento começar, em 2022”, reforçou Carmelo Ezpeleta, diretor-executivo da promotora da MotoGP.
 

“Valência mantém o direito de ser a última corrida da temporada. Gostaria de poder oferecer mais cinco anos com a garantia da corrida, mas isso não é possível. Entretanto, estou orgulhoso de mais uma vez entrar em um acordo com o circuito”, completou.
 
A rotação está para ser introduzida “devido o incrível crescimento global da MotoGP, com cada vez mais lugares se inscrevendo para faze parte do campeonato de moto mais veloz do mundo”.
 
Com Valência recebendo a garantia de três corridas em cinco anos, os demais autódromos terão apenas duas temporadas vagas para receberem a classe rainha. Isso estimula que os acordos de extensão de contrato aconteçam mais cedo.
 

Paddockast #49
RAÍ CALDATO: O ARTISTA PREFERIDO DE LEWIS HAMILTON

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube