Outras

De Ferran fala em desejo de ter Alonso e Hamilton na Extreme E: “Pilotos assim agregariam muito”

Gil de Ferran já começou a fazer planos bastante ambiciosos para a Extreme E, nova categoria de SUVs elétricos. O diretor-esportivo da McLaren e presidente da categoria já deixou claro seu desejo de ter Lewis Hamilton e Fernando Alonso no grid, inclusive mandando mensagem para o espanhol
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Gil De Ferran já tem planos bastante ambiciosos para a Extreme E, nova categoria elétrica. O diretor-esportivo da McLaren e novo presidente da categoria, já deixou claro seu desejo de trazer Fernando Alonso e Lewis Hamilton para o grid.
 
Nesta semana, o dirigente, ao lado de Alexandre Agag, presidente da Fórmula E, apresentaram a nova categoria elétrica, que pretende ter provas com SUVs elétricos em lugares como Floresta Amazônica, Himalaia, Continente Ártico, Deserto do Saara e ilhas do Oceano Índico. O lançamento está previsto para o início de 2021.

Ainda sem nenhum piloto envolvido na XE, como também pode ser chamada, De Ferran quer trazer nomes de grande calibre para a competição. “Eu mandei uma mensagem para Alonso sobre isso nesta manhã. Fernando certamente agregaria muito”, falou ao ‘Daily Mail’.
Fernando Alonso e Gil de Ferran (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
“Ele é muito famoso, é divertido, um ótimo piloto e seria ótimo ter alguém de sua notoriedade em nosso evento”, continuou.
 
“Isso atrai aqueles que amam desafios, tem um senso de aventura e gostam de um ambiente consciente. Seria ótimo ter Lewis Hamilton participando, correndo e sendo parte da aventura também. Pilotos como eles agregam muito”, completou.
 
Vale relembrar o trabalho em conjunto feito entre De Ferran e Alonso. O brasileiro foi nomeado mentor do espanhol quando foi correr sua primeira edição das 500 Milhas de Indianápolis, em 2017, e onde começou a amizade. Em 2018, voltaram a se encontrar, agora na McLaren.