Maya Weug desbanca brasileiras, vence seletiva e ganha vaga na Academia da Ferrari

Maya Weug superou três concorrentes e venceu a seletiva 'Girls on Track', que selecionou uma representante feminina para a Academia da Ferrari e com uma vaga na F4 Italiana. A iniciativa contou com apoio da Federação Internacional de Automobilismo e com pilotas de todo o mundo

Depois de mais de um mês em pausa, a seletiva ‘Girls on Track’, promovida pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) em conjunto com a Ferrari. Maya Weug, de 16 anos, foi a grande vencedora e agora faz parte da academia da escuderia italiana e ganha uma vaga no grid da F4 Italiana em 2021, com a opção de renovar o contrato para o próximo ano.

Maya Weug é nascida na Espanha, mas filha de mãe belga e de pai holandês. Nascida em 01/06/2004, compete no kart desde 2013, com destaques para o vice no Espanhol de 2015 e o título na WSK Final Cup no ano seguinte.

Michèle Mouton, presidente da Comissão de Mulheres no esporte a motor da FIA, comentou sobre a seletiva que contou com pilotas de diversos países ao redor do mundo.

“Este é um incrível e importante momento. É realmente um grande passo adiante com raízes e um momento de muito orgulho para a Comissão de Mulheres da FIA. Parte da história da Ferrari é feita por encontrar um piloto que vai correr para eles”, pontuou.

JULIA AYOUB; ANTONELLA BASSANI; MAYA WEUG; DORIANE PIN;
Julia Ayoub; Antonella Bassani, Maya Weug e Doriane Pin foram as finalistas da seletiva (Foto: Ferrari)

A seletiva, que começou com 70 garotas, terminou com apenas quatro pilotas concorrendo à cobiçada vaga no programa de desenvolvimento da Academia da Ferrari: as brasileiras Júlia Ayoub, 15 anos, e Antonella Bassani, 14; a franco-holandesa Doriane Pin, de 17 anos, e Maya Weug, 16, nascida na Espanha.

No começo da fase decisiva, elas passaram por cinco dias de testes com carro da F4 na casa da Ferrari, com começo previsto para o dia 9 de janeiro. Enquanto aguardavam os resultados dos testes, os dias iniciais foram com atividades remotas, longe da pista. A final, no entanto, foi adiada.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

A fase decisiva do processo seletivo que visa escolher a primeira representante feminina para a Academia da Ferrari foi interrompida em dezembro depois de um teste positivo para Covid-19 de uma das pilotas, que não teve seu nome revelado.

As jovens pilotas voltaram a Maranello, onde foram avaliadas durante alguns dias. O programa envolve testes de aptidão física e mental, sessões de simulador, atividades de mídia e uma série de aulas relacionadas a regulamentos esportivos e comportamento na pista.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube