Organização do Dakar confirma exclusão de Azevedo após abandono na quarta etapa da prova

Jean Azevedo teve problemas com o guia da corrente da moto e foi desclassificado do Dakar 2014 por ter cumprido menos da metade da quarta especial

Jean Azevedo não poderá seguir no Rali Dakar 2014. O piloto e a equipe Honda acreditavam que ele poderia continuar na prova apesar do problema mecânico da quarta etapa, mas a organização do rali confirmou nesta manhã a exclusão do brasileiro.

Azevedo teve problema com o guia da corrente da moto no km 140 da especial de quarta-feira (8) e, com isso, acabou não conseguindo passar pelo número mínimo de checkpoints exigidos. Como resultado, foi desclassificado.

Jean Azevedo teve problemas mecânicos na quarta especial (Foto: Victor Eleutério/Vipcomm)

“Infelizmente, o regulamento prevê a exclusão da prova quando um piloto não passa por um determinado número de waypoints e CPs, e foi exatamente o que aconteceu. Cumpri menos da metade da especial e, por isso, não poderei continuar. Lamento demais estar fora”, declarou o piloto.

Essa foi a 16ª participação de Azevedo no Dakar. Ele ocupava a 16ª posição na classificação geral após o terceiro estágio.

O Brasil segue representado nas motos com outro piloto da Honda, Dário Júlio, 17º colocado no geral.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube