2° no Velocitta, Casagrande coloca foco em pontos: “Não ligo de perder corrida ou pódio”

Gabriel Casagrande foi quem fez mais pontos na sétima etapa da temporada e, mesmo sem vitória no ano, se permite sonhar com o titulo da Stock Car

A Stock Car tem 10 vencedores diferentes em 11 corridas no ano, mas Gabriel Casagrande não entra em tal lista – mesmo aparecendo em sexto na classificação da atual temporada, o que mostra o tamanho da disputa pelo título. A solução é conquistar o maior número de pontos possível – e isso ele fez no Velocitta, no último final de semana.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Gabriel Casagrande (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Casagrande foi segundo colocado na corrida 1 do Velocitta, depois sétimo na seguinte, e acabou como o maior pontuador da sétima etapa da temporada (40). Para o piloto do carro #83, na Stock Car esta é a estratégia correta.

“Estou muito contente, mais uma vez como o maior pontuador. Em Cascavel (sexta etapa) fui o segundo maior, perdemos por dois pontos só. Sempre fazendo muitos pontos, que é o que a gente precisa no campeonato. Vamos em busca de chegar na final com grandes chances do título”, analisou.

“Eu não ligo de perder uma corrida ou um pódio, o que eu quero é chegar na etapa e meu nome estar em primeiro na tabela de pontuação. Então, eu acho que com esse pensamento a gente vai longe ainda. Temos chances ainda no campeonato e dá para brigar”, completou.

No momento, após a etapa do Velocitta, Casagrande tem 133 pontos para ocupar o sexto posto. O líder Cesar Ramos tem 172 – e também não tem vitória no ano. Antes da decisão, ele pode fazer três descartes.

A Stock Car volta nos dias 7 e 8 de novembro, em Curitiba, com duas etapas – separadas no sábado e no domingo. O GRANDE PRÊMIO faz cobertura completa.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube