Stock Car

Barrichello analisa “pupilo muito talentoso” Di Mauro após estreia como titular na Stock Car: “Veio para ficar”

Gaetano Di Mauro estreou como titular na Stock Car indo ao Q3 na classificação e terminando em 14°, pontuando no Velopark. Piloto da Shell Helix Ultra, que divide os boxes com a Full Time, ele foi elogiado por Rubens Barrichello, que chamou o jovem de seu “pupilo”

Grande Prêmio / FELIPE NORONHA, de São Paulo
Rubens Barrichello, aos 46 anos, foi ao pódio na abertura da temporada 2019 da Stock Car, no Velopark. Enquanto isso, em 14°, chegava Gaetano di Mauro, garantindo sete pontos em sua primeira corrida como titular na categoria.

O #111 está na Full Time, enquanto o jovem de 21 anos integra a Shell Helix Ultra - que divide os boxes com a equipe de Barrichello. Não é coincidência: Barrichello contou ao GRANDE PRÊMIO como há anos aposta em Di Mauro.

"É um pupilo meu", disse o experiente piloto. "Está chegando de uma forma boa, jovem, muito talentoso. Sempre foi", seguiu.
Gaetano di Mauro (Foto: José Mário Dias/Shell)
Di Mauro estreou na Stock Car na última etapa de 2018, correndo pela Hero, 'emprestado' pela Shell, da qual faz parte da academia de pilotos. Foi bem e ganhou espaço como titular. Como a Shell Racing renovou os contratos de Ricardo Zonta e Átila Abreu, uma parceria com a Full Time garantiu a revelação na temporada 2019 por completo.

Segundo Barrichello, esse apoio da Shell é fundamental para que Di Mauro siga evoluindo: Agora, com uma Shell por trás apoiando, isso é o que a gente precisa no automobilismo, as pessoas enxergarem."
Rubens Barrichello (Foto: Duda Bairros/Stock Car)
Para o campeão da Stock Car em 2014, Di Mauro é um talento a ser lapidado - que pode 'estourar' até mais tarde que o esperado, mas que mostra que é necessário paciência para que isso possa ocorrer: "Eu fui lá, no primeiro dia, para apresentá-lo, não foi agora, estamos falando de cinco anos atrás. Então você vê, a gente tem isso em todas as partes do mundo competitivo."

"É um músico que de repente demora cinco anos para estourar com uma música. É um cara que não teve chance no Brasil porque falaram que ele era feio, e aí ele virou modelo lá fora."

"Tem sempre gosto para tudo, a gente só precisa acreditar que a roda da fortuna está sempre do nosso lado. E o mais importante é a gente gostar da gente mesmo. Então o Gaetano está de parabéns e ele veio para ficar", completou Barrichello.

O pupilo Di Mauro terá a chance de seguir nos boxes próximo ao 'mestre' entre os dias 3 e 5 de maio: é quando o Velo Città recebe a primeira rodada dupla da temporada 2019 da categoria.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.