CBA confirma mudança, e Corrida do Milhão terá classificação com Q4

A Corrida do Milhão terá um sistema único em seu treino de classificação no próximo sábado (24). Em vez das tradicionais três partes, com a terceira sendo a disputa pela pole, em Interlagos será realizado um Q4, com três pilotos buscando a primeira posição no grid

A CBA homologou na tarde desta quinta-feira (22) a mudança no treino de classificação da Corrida do Milhão, marcado para o próximo sábado. Em vez da divisão em três partes, será realizado um Q4, com três pilotos, e só daí sai o pole-position para a prova mais tradicional da categoria brasileira.

O Q4, também chamado de superpole, só é válido para a etapa em Interlagos, e não será repetido em nenhuma das outras cinco etapas ainda restantes na temporada 2019.

O GRANDE PRÊMIO teve acesso à homologação, que afirma que o Q1 (15 avançando) e o Q2 (seis avançando) seguem iguais, mas o Q3 terá cada um dos seis pilotos que lá chegarem com 10 minutos para darem três voltas. O tempo validado será o da média destas voltas, com as três melhores avançando para o Q4.

Neste, enfim a fase final, cada piloto terá direito a uma volta e, assim, a melhor enfim garante a primeira posição no grid de largada do domingo.

Thiago Camilo fez cinco das seis poles até aqui no ano (Foto: Duda Bairros/Stock Car)
Paddockast #29
ONE HIT WONDERS DO ESPORTE A MOTOR

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Os pilotos serão obrigados a iniciar a prova com os mesmos pneus com os quais terminaram a classificação – independentemente da fase a que avançaram – e só poderão trocá-los após uma volta na corrida.

GRANDE PRÊMIO cobre tudo in loco em Interlagos com os repórteres Felipe Noronha e Pedro Henrique Marum. A classificação está marcada para 12h do sábado, com a corrida 11h30 do domingo. Acompanhe tudo aqui.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube