Truck

Buenos Aires abre Copa Mercosul e inaugura fase internacional da Copa Truck

A categoria dos caminhões começa uma nova fase neste final de semana com a abertura da Copa Mercosul, na Argentina. Para Felipe Giaffone, um dos principais nomes da Copa Truck, a internacionalização eleva o nível da competição
Warm Up / VINÍCIUS PIVA, de São Paulo
 Copa Truck vai a Buenos Aires no fim de semana (Foto: Rodrigo Ruiz)
A Copa Truck abre uma nova era neste mês com sua primeira corrida em terras estrangeiras. No próximo fim de semana, os caminhões estarão em Buenos Aires, na Argentina, para a disputa da etapa de abertura da Copa Mercosul, no autódromo Oscar y Juan Galvez. Em outubro, será a vez de Rivera, no Uruguai, receber os brutos para o encerramento da terceira Copa na temporada 2018.
 
Mais do que correr em circuitos inéditos até aqui e se deparar com um perfil de público diferente do qual se está acostumado, a presença da Copa Truck no exterior carrega um significado importante. As corridas internacionais indicam que o nível da categoria subiu já em sua segunda temporada. É bom lembrar que a antiga F-Truck, em seus tempos áureos, realizou algumas provas no exterior, principalmente na Argentina, em meados da década de 2010.
 
“É sempre marcante. Estaremos lá [em Buenos Aires] não como categoria principal, mas como categoria convidada da Top Race. Existe grande expectativa, estão prevendo ações de ruas, ações promocionais e carreatas”, comenta Carlos Col, CEO da Mais Brasil, promotora da Copa Truck, sobre a etapa argentina.
Felipe Giaffone vê Copa Truck em boa fase (Foto: Duda Bairros)
Felipe Giaffone, primeiro campeão da Copa Truck, também se mostrou feliz com esse momento da categoria. “Estou bem animado. Pela primeira vez a Copa Truck faz duas provas fora do Brasil. A categoria está no caminho certo, está nítido que já é uma categoria sólida, deu para ver em Goiânia. A categoria está tomando o rumo que a gente já esperava. Vai ser bem bacana”, disse Giaffone.
 
Para o campeão da Copa Centro-Oeste, correr fora do Brasil coloca a Copa Truck um degrau acima e, mais do que isso, pode ser um indicativo de pretensões maiores, como criar um campeonato sul-americano.
 
“Eleva, principalmente falando de Argentina, que é um público fanático, que curte corrida, é fã mesmo. Acredito que a ideia da Copa Truck, diferente do que era no passado, é realmente que no futuro se torne sul-americana, ou seja, que comece a entrar equipes e pilotos de lá. Seria um espetáculo. O automobilismo argentino é forte, os caras são competentes, voltaria de repente a ter o que já existiu no passado com a F3 Sul-Americana”, aposta o atual campeão da Copa Truck. 
 
Os primeiros treinos livres da Copa Truck em Buenos Aires acontecem na sexta-feira (14), a partir das 11h30.