DTM: Albuquerque lidera treino dominado pela Audi em Nürburgring. Farfus fica em 13º

No único treino livre realizado nesta sexta-feira pelos pilotos do DTM, três carros da Audi ocuparam as três primeiras posições: Filipe Albuquerque, Mattias Ekström e Mike Rockenfeller. Líder do campeonato, Gary Paffett foi o sétimo, enquanto o brasileiro Augusto Farfus terminou em 13º lugar

A segunda metade da temporada do DTM começou com a Audi na frente. Ou melhor, com três Audis na frente. No treino livre realizado nesta sexta-feira (17), em Nürburgring, o português Filipe Albuquerque registrou o melhor tempo do dia, 0s390 mais rápido que o sueco Mattias Ekström. A trifeta da montadora das quatro argolas foi completada por Mike Rockenfeller.

Albuquerque levou 1min25s007 para contornar os 3629 metros do traçado curto do Nürburgring, que está sendo utilizado pelo certame. A volta voadora do português veio nos instantes finais da sessão, e desbancou o então líder, Rockenfeller. Também foi no finalzinho que Ekström cravou seu melhor tempo e assegurou a segunda colocação.

Albuquerque desbancou Rockenfeller nos minutos finais para assumir a primeira posição do treino (Foto: DTM)

Quarto colocado, Jamie Green foi o melhor piloto da Mercedes, a 0s6 de Albuquerque. Vice-líder do campeonato, o inglês aparece a frente de outros dois carros de Ingolstadt, conduzidos por Miguel Molina e Adrien Tambay.

Líder da temporada de 2012, Gary Paffett foi o sétimo. Sexta Audi no Top-10, Edoardo Mortara veio logo atrás e a melhor BMW, que completou a sessão apenas na nona posição, com Dirk Werner. Ralf Schumacher fechou o grupo dos dez primeiros.

O brasileiro Augusto Farfus foi o 13º colocado, 0s981 mais lento que Albuquerque. Seu companheiro de equipe, Andy Priaulx, ficou muito pouco atrás, em 14º. A diferença entre os dois foi de 0s013.

DTM, Etapa de Nürburgring, Treino livre, Final:

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube