GT Series: Rast crava pole da corrida de classificação em Nogaro. Cacá e Khodair garantem sétimo lugar

De maneira até surpreendente, a pole-position da corrida de classificação do GT Series não ficou com um carro da classe principal, a Pro Cup, mas sim com um da Pro-Am Cup. René Rast, com um Audi R8 LMS, assegurou a posição de honra do grid em Nogaro. Cacá Bueno, parceiro de Allam Khodair, foi o melhor brasileiro da sessão e vai largar em sétimo neste domingo (31)


Surpresa no treino que definiu o grid de largada da corrida de classificação da rodada de abertura da temporada 2013 do GT Series, em Nogaro, França. Inscrito na classe Pro-Am Cup — destinada a um piloto profissional e a outro gentleman-driver —, o alemão René Rast surpreendeu os favoritos e cravou o melhor tempo. Com o Audi LMS Ultra da equipe WRT, o piloto, que corre em parceria com Niklaus Mayr-Melnhof, anotou 1min26s091 no Q3, sendo apenas 0s009 mais rápido que Mike Parisy, companheiro de equipe de Andreas Züber, segundo no grid e melhor classificado da equipe de Sébastien Loeb.

Álvaro Parente, parceiro de Sébastien Loeb na condução do McLaren MP4-12C #9, garantiu a terceira melhor marca da sessão. O português foi seguido por três competidores com Audi. Frank Stippler, parceiro de Edward Sändström, e Stéphane Ortelli, que divide a condução do #11 com Laurens Vanthoor, fecharam em quarto e quinto, respectivamente, com Carlos Vieira e César Campaniço, portugueses da equipe Novadriver, em sexto.

A dupla brasileira melhor colocada na classificação e única a avançar ao Q3 foi Cacá Bueno/Allam Khodair. O pentacampeão da Stock Car abriu e encerrou a sessão, participando do Q1 e do Q3, mas o ‘japonês voador’ foi decisivo ao registrar o oitavo melhor tempo do Q2 e garantir a dupla do BMW Team Brasil na relação dos dez mais rápidos. No último segmento, o carioca registrou 1min27s110, 1s019 em relação ao tempo do pole Rast.
René Rast garantiu a pole-position da corrida de classificação na França (Foto: Vimages/Fabre)

Por muito pouco Sergio Jimenez e Ricardo Zonta, companheiros de equipe de Cacá e Khodair na BMW Team Brasil, não avançaram ao Q3. No Q2, Jimenez ficou entre os dez melhores colocados na maior parte do tempo, mas foi superado no fim e acabou em 11º. Claudio Ricci e Matheus Stumpf conquistaram uma boa 14ª colocação no grid com o Ford GT da equipe lusitana Rodrive. Seus companheiros de equipe, Felipe Tozzo e Raijan Mascarello, vão largar em 21º.

Saiba como foi o treino classificatório em Nogaro

A sessão classificatória do GT Series consiste em três fases. O Q1 e o Q2 têm 15 minutos cada, sendo que o piloto 1 de cada equipe vai ao Q1 e o piloto 2 guia o carro da equipe no Q2. Os dez melhores colocados no combinado dos tempos do Q1 e do Q2 avançam ao Q3. Nesta fase final da sessão, o nomeado piloto 1 pela equipe é quem vai à pista para tentar a pole-position.

O Q1 em Nogaro começou de maneira intensa, com vários carros na pista. Frank Stippler, com um Audi R8 LMS da belga WRT, detinha o melhor tempo, seguido por Sergey Afanasiev, pilotando um Mercedes SLS AMG da equipe Gravity. Ricardo Zonta, escolhido pela BMW Team Brasil para abrir a sessão no #21, marcou o terceiro tempo, enquanto os outros pilotos brasileiros ainda não tinham registrado tempo.

Com menos de sete minutos de treino, Fabio Onidi, ex-GP2, bateu sua Ferrari 458 Italia da AF Corse no muro em sua volta de saída dos boxes. Assim, a sessão foi interrompida com bandeira vermelha e retomada minutos depois. O italiano voltou aos boxes sem qualquer ferimento ou grande dano ao seu carro.
Tozzo e Mascarello vão largar em 21º na corrida de classificação em Nogaro (Foto: Vimages/Fabre)

Após a retomada da sessão, as marcas caíram de maneira significativa, sendo que Maximilian Buhk foi o primeiro a andar em 1min30s com o Mercedes SLS AMG da Gravity. E foi o alemão o primeiro piloto do dia a quebrar a barreira de 1min30s ao registrar 1min29s969. Em seguida, Cacá Bueno marcou 1min30s257, subindo momentaneamente para terceiro.

Mas muitos pilotos ainda precisavam fechar suas voltas após a bandeira quadriculada que fechou o Q1. Buhk melhorou ainda mais e cravou 1min29s166. O destaque foi Sébastien Loeb, que sempre esteve entre os primeiros em todo o fim de semana. O francês foi 0s193 mais lento que o líder da sessão e foi seguido por Sergey Afanasiev. A surpresa ficou por conta do grande tempo de Matheus Stumpf, quarto colocado e seu Ford GT da equipe Rodrive. Cacá Bueno alcançou o sexto tempo com 1min30s247 e terminou o Q1 duas posições à frente de Ricardo Zonta. Raijan Mascarello terminou em 20º com o Ford GT #20 da Rodrive.

Como prova de que a pista melhorava constantemente, o primeiro tempo competitivo do Q2 já foi muito melhor em relação ao Q1 quando Edward Sändström marcou 1min28s0. Mas os tempos despencariam ainda mais na sequência. Laurens Vanthoor, belga que guiava o outro Audi R8 LMS da WRT, alcançou 1min26s670 — melhor tempo do fim de semana — após sete minutos de Q2 em Nogaro. Sergio Jimenez vinha na nona colocação provisória Claudio Ricci vinha em 11º. Khodair era o 15º.

Assim como no Q1, o Q2 teve uma interrupção por bandeira vermelha causada por Fabien Barthez, goleiro da seleção francesa campeã do mundo em 1998, que guiava uma Ferrari F458 Italia da equipe Sofrev quando restavam 6min48s para o fim da segunda parte da sessão. Naquele momento, os dois carros do BMW Team Brasil estavam avançando ao Q3, assim como também os dois carros da equipe de Sébastien Loeb.
Cacá e Khodair foram os únicos brasileiros no Q3 em Nogaro (Foto: Pro Photos)

O treino foi retomado pouco tempo depois e caminhava para seu desfecho, mas pouca coisa mudou em relação à lista dos dez primeiros colocados no acumulado dos tempos para a Superpole em Nogaro. Vanthoor fechou o Q2 na liderança, seguido por Mike Parisy, companheiro de equipe de Andreas Züber no #10 do time de Sébastien Loeb, e Álvaro Parente, parceiro de Loeb no McLaren MP4-12C #9. Khodair melhorou bem sua marca e subiu para oitavo, com Jimenez em 11º, Ricci em 14º e Tozzo em 21º, suas respectivas posições no grid.

Com o fim do Q2, avançaram à Superpole as seguintes duplas: Stéphane Ortelli/Laurens Vanthoor, Andreas Züber/Mike Parisy, Sébastien Loeb/Álvaro Parente, Frank Stippler/Edward Sändström, René Rast/ Niklaus Mayr-Melnhof, Lucas Ordoñez/Alex Buncombe, Carlos Vieira/César Campaniço, Cacá/Khodair, Anthony Kumpen/Enzo Ide e Maximilian Bukh e Alon Day.

No Q3, o melhor tempo foi registrado pelo Audi R8 LMS de René Rast, que corre na classe Pro-AM pela equipe Belgian Audi Club Team WRT. O experiente piloto bateu Mike Parisy por apenas 0s009. A segunda McLaren do time de Sébastien Loeb, pilotada por Álvaro Parente, ficou em terceiro, seguido por Frank Stippler e Stéphane Ortelli. César Campaniço e Carlos Vieira asseguraram o sexto melhor tempo, enquanto Cacá Bueno garantiu a sétima posição no grid de largada.

GT Series, Nogaro, corrida de classificação, grid de largada:
1 René RAST
Niklaus MAYR-MELNHOF
ALE
AUT
Belgian Audi Club Team WRT
Audi R8 LMS Ultra
1:26.091      
 
2 Andreas ZÜBER
Mike PARISY
AUT
FRA
Sébastien Loeb Racing
McLaren MP4-12C GT3
1:26.100 +0.009    
 
3 Sébastien LOEB
Alvaro PARENTE
FRA
POR
Sébastien Loeb Racing
McLaren MP4-12C GT3
1:26.210 +0.119    
 
4 Frank STIPPLER
Edward SANDSTRÖM
ALE
SUE
Belgian Audi Club Team WRT
Audi R8 LMS Ultra
1:26.528 +0.437    
 
5 Stéphane ORTELLI
Laurens VANTHOOR
FRA
BEL
Belgian Audi Club Team WRT
Audi R8 LMS Ultra
1:26.779 +0.688    
 
6 César CAMPANIÇO
Carlos VIEIRA
POR
POR
Team Novadriver
Audi R8 LMS Ultra
1:26.862 +0.771    
 
7 Cacá BUENO
Allam KHODAIR
BRA
BRA
BMW Team Brasil
BMW Z4 GT3
1:27.110 +1.019    
 
8 Lucas ORDOÑEZ
Alex BUNCOMBE
ESP
ING
Nissan GT Academy Team
Nissan GT-R GT3
1:27.436 +1.345    
 
9 Anthony KUMPEN
Enzo IDE
BEL
BEL
Phoenix Racing
Audi R8 LMS Ultra
1:27.474 +1.383    
 
10 Maximilian BUHK
Alon DAY
ALE
ISR
HTP Gravity Charouz
Mercedes SLS AMG GT3
       
 
11 Sergio JIMENEZ
Ricardo ZONTA
BRA
BRA
BMW Team Brasil
BMW Z4 GT3
1:27.860 +1.769    
 
12 Karun CHANDHOK
Jan SEYFFARTH
IND
ALE
Seyffarth Motorsport
Mercedes SLS AMG GT3
1:27.920 +1.829    
 
13 Hari PROCZYK
Dominik BAUMANN
ALE
AUT
Grässer Racing
Lamborghini Gallardo LP600+
1:28.147 +2.056    
 
14 Matheus STUMPF
Claudio RICCI
BRA
BRA
Rodrive Competições
Ford GT
1:28.334 +2.243    
 
15 Sergey AFANASIEV
Allan SIMONSEN
RUS
DIN
HTP Gravity Charouz
Mercedes SLS AMG GT3
1:28.397 +2.306    
 
16 Mark SHULZHITSKIY
Wolfgang REIP
RUS
BEL
Nissan GT Academy Team
Nissan GT-R GT3
1:29.050 +2.959    
 
17 Armaan EBRAHIM
Julien JOUSSE
IND
FRA
BMW Sports Team India
BMW Z4 GT3
1:29.145 +3.054    
 
18 Fabién BARTHEZ
Gérard TONELLI
FRA
FRA
Team Sofrev
Ferrari F458 Italia GT3
1:29.426 +3.335    
 
19 Niclas KENTENICH
Daniel KEILWITZ
ALE
ALE
Dörr Motorsport
McLaren MP4-12C GT3
1:29.463 +3.372    
 
20 Jean-Luc BEAUBÉLIQUE
Soheil AYARI
FRA
JAP
Team Sofrev
Ferrari F458 Italia GT3
1:29.656 +3.565    
 
21 Felipe TOZZO
Raijan MASCARELLO
BRA
BRA
Rodrive Competições
Ford GT
1:31.522 +5.431    
 
22 Jan STOVICEK
Petr CHAROUZ
TCH
TCH
HTP Gravity Charouz
Mercedes SLS AMG GT3
1:39.063 +12.972    
 
23 Filip SALAQUARDA
Fabio ONIDI
TCH
ITA
AF Corse
Ferrari F458 Italia GT3
       
 

Azul: Pro Cup
Verde musgo: Pro-Am Cup
Verde: Gentlemen Trophy

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube