F1
31/10/2013 11:59

Maldonado deixa Williams, assina com Lotus e vira parceiro de Grosjean em 2014

De acordo com o Americo Teixeira Jr., dono do Diário Motorsport, Pastor Maldonado fechou contrato com a Lotus para 2014. O piloto de 28 anos deixa a Williams depois de três temporadas, onde será substituído por Felipe Massa
Warm Up
AMÉRICO TEIXEIRA JR., de Vinhedo
 
Siga o GRANDE PRÊMIO                     Curta o GRANDE PRÊMIO

 
Pastor Maldonado vai defender a Lotus em 2014 (Foto: Getty Images)
Pastor Maldonado já é piloto da Lotus. É apenas uma questão de conveniência das partes envolvidas o anúncio oficial. Contrato nesse sentido já foi assinado, e o venezuelano formará dupla com Romain Grosjean. As fontes ouvidas em diversos países garantem isso.

Maldonado, portanto, deixa a Williams após três temporadas, sendo o ponto alto a vitória no GP da Espanha em 2012. O lugar de Maldonado na equipe inglesa será de Felipe Massa, dispensando na Ferrari.

Ainda, não há detalhes do acordo com a Lotus ou sobre o papel da petrolífera estatal PDVSA no novo vínculo. A reportagem completa sobre transferência do piloto está no Diário Motorsport.

O futuro, a Pastor pertence

Nesta quinta-feira (31), véspera dos primeiros treinos para o GP de Abu Dhabi, Maldonado disse aos repórteres que o seu destino para 2014 "está apenas em suas mãos". O venezuelano afirmou também que pretende esperar mais tempo para decidir o futuro, "porque possui algumas opções" e não descartou a saída do time de Grove ao final da temporada.

"Eu realmente espero ter uma decisão antes do final da temporada e ainda temos algumas semanas até lá, então vamos ver o que acontece. Eu não posso garantir que vou deixar a equipe ou ficar. Essa é a minha terceira temporada e estou um momento da carreira muito importante", disse.

"Tenho algumas opções. Eu conversei com algumas pessoas e vamos escolher o melhor caminho em breve. A decisão de onde vou correr será 100% minha. É uma grande responsabilidade, por isso estou tomando cuidado e não quero cometer nenhum erro", completou o piloto.

Depois da confirmação da contratação de Kimi Räikkönen pela Ferrari, a Lotus se tornou a equipe com o cockpit mais atraente do grid. O posto foi cobiçado por Massa, mas o chefe do time preto e dourado, Eric Boullier, manifestou publicamente a preferência por Nico Hülkenberg, que, agora, diante do iminente anúncio com Maldonado, tem suas opções bastante reduzidas.

O jornalista Américo Teixeira Jr. é assessor de imprensa, parceiro do GRANDE PRÊMIO e colunista da REVISTA WARM UP.
 


Últimas Notícias
domingo, 21 de janeiro de 2018
F1
MotoGP
F1
Rali
Indy
F1
Rali
Rali
F1
sábado, 20 de janeiro de 2018
Rali
Rali
Rali
Rali
Rali
Rali
Galerias de Imagens
Facebook