Autoridades russas queimam alimentos da equipe da BMW do DTM na fronteira e alegam falta de documentação

Veículo que seguia em direção ao autódromo localizado na capital russa foi parado na fronteira, na região de Pskov, e acabou ficando sem sua mercadoria; é o segundo caso idêntico na semana

A DTM chega a Moscou, na Rússia, neste fim de semana, para a disputa da sexta etapa da temporada 2015. Mas antes dos motores serem ligados, um caso inusitado chamou a atenção fora das pistas na última quinta-feira (27).  Um caminhão da BMW que seguia em direção à capital russa foi parado na fronteira pelas autoridades locais, e o que era para ser apenas uma verificação de rotina acabou ganhando maiores proporções.

A polícia acabou apreendendo e depois queimando várias tonaledas de alimentos presentes no veículo. A justificativa é que para executar o trânsito de alimentos específicos era necessária uma documentação própria, a qual não foi apresentada. As informações são do site norte-americano 'Motorsport.com'.

Único brasileiro na categoria, Augusto Farfus corre de BMW (Foto: BMW)
Curioso é que um dia antes aconteceu exatamente a mesma coisa. Um caminhão com cerca de 800 kg de comidas variadas foi parado e impedido de prosseguir sem a documentação exigida pelas autoridades da fronteira. Todo o suprimento acabou destruído.
 
Ao que parece, enquanto estiverem em território russo, os alemães da BMW terão que se alimentar exclusivamente da culinária local.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar