Vídeo: dinamarquês Simonsen morre após acidente no começo das 24 Horas de Le Mans

Allan Simonsen morreu em decorrência de ferimentos após bater forte no guard-rail da curva Tertre Rouge apenas na terceira volta da corrida. O dinamarquês, que tinha 34 anos, foi removido para um hospital da região, mas não resistiu

Tragédia nas 24 Horas de Le Mans. Allan Simonsen, de 34 anos, morreu depois de bater seu Aston Martin Vantage V8 no guard-rail na curva Tertre Rouge apenas na terceira volta da corrida, iniciada neste sábado (22). O dinamarquês foi removido para um centro médico na região do autódromo, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Foi a primeira vítima fatal das 24 Horas de Le Mans em 16 anos. Em 1997, Stéphane Enjolras perdeu a vida depois de sofrer um grave acidente em Sarthe. 


Por conta da morte de Simonsen, a Aston Martin pode deixar a prova. Bruno Senna faz parte da equipe. O trio do brasileiro liderava a classe GTE Pro no momento do acidente do seu companheiro de equipe. Um triste destino numa corrida que seria histórica para a montadora, que almejava comemorar a vitória no ano do seu centenário.
 

<A data-cke-saved-href=&quot;http://video.br.msn.com/?mkt=pt-br&vid=10da3beb-d81b-4d55-aa21-15e12de3c175&from=shareembed-syndication&src=v5:embed:syndication:&quot; href=&quot;http://video.br.msn.com/?mkt=pt-br&vid=10da3beb-d81b-4d55-aa21-15e12de3c175&from=shareembed-syndication&src=v5:embed:syndication:&quot; target=&quot;_new&quot; title=&quot;V&iacute;deo: dinamarqu&ecirc;s Simonsen morre ap&oacute;s acidente no come&ccedil;o das 24 Horas de Le Mans&quot;>V&iacute;deo: V&iacute;deo: dinamarqu&ecirc;s Simonsen morre ap&oacute;s acidente no come&ccedil;o das 24 Horas de Le Mans</A>

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube