4º colocado na GP2, Chilton confirma negociações com Marussia, mas afirma que não há nada acertado

Max Chilton disse que quer competir pela Marussia na próxima temporada da F1, mas afirmou que a equipe ainda está esperando para ver o que acontece com outros pilotos. O inglês estreia na escuderia no primeiro treino desta sexta em Abu Dhabi

Especulado na vaga de Charles Pic para a temporada 2013 da F1, Max Chilton afirmou que não tem nada assinado com a Marussia. O inglês de apenas 21 anos, que terminou em quarto no último campeonato da GP2, confirmou que está negociando com a equipe russa, mas garantiu que até agora não tem nada garantido, até porque a escuderia está esperando para ver o que acontece com outros times.

“Nós estamos obviamente falando com eles. Sou um piloto e quero uma vaga. Há poucos lugares, mas eles estão esperando por outros pilotos, para ver o que fazem. Eu adoraria ter essa chance e espero que ela chegue logo”, declarou o britânico à revista inglesa ‘Autosport’.

Max Chilton negocia com a Marussia para 2013 (Foto: Reprodução/Facebook)

O grande trunfo de Chilton é contar com o apoio da seguradora Aon, que, entre outras atividades, patrocina a equipe de futebol do Manchester United. O pai do piloto, aliás, é um dos sócios da empresa

Embora não tenha nada certo com a Marussia, o piloto disse que o objetivo para o próximo ano é subir para a F1 e tentar fazer um bom trabalho para chamar a atenção de alguma grande equipe. “No momento, estou de olho na vaga e espero que dê certo. Nada ainda está acertado. Se conseguirmos alguma, então será bom porque poderei trabalhar no meu desenvolvimento”, acrescentou.

Nesta sexta-feira (2), Chilton vai participar pela primeira vez de um treino livre pela Marussia, em Abu Dhabi. Apesar disso, o inglês descartou que o desempenho na atividade possa influenciar a escuderia em determinar quem será o companheiro de Timo Glock em 2013. “Eu não acho que vá fazer diferença. Obviamente, eu quero fazer um grande trabalho, mas seria tolice para uma equipe de F1 determinar se você está pronto pelo que fez em apenas uma sessão”, avaliou.

“Eu só quero terminar com a sensação de que fiz um bom trabalho e ajudei a equipe com os procedimentos. Enquanto a equipe estiver feliz com o meu trabalho, é isso o que importa”, completou o britânico, afirmando que está apenas concentrado em fazer o melhor trabalho possível na atividade.

Pic, por sua vez, afirmou que também não tem nada acertado com a Marussia para 2013, mas segue conversando com a equipe. “Eu não sei. Ainda faltam três corridas, e eu estou tentando manter o foco nelas. Nós estamos negociando para o próximo ano, mas nada está acertado, então precisamos esperar”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube