Alpine deixa porta aberta para acordo com Ricciardo: “Não acho que seja problema”

Chefe da Alpine, Otmar Szafnauer citou o vai e vem de Fernando Alonso como exemplo e avaliou que não seria um problema contar com o australiano caso Oscar Piastri não esteja na equipe em 2023

ALPINE ANUNCIA PIASTRI, QUE NEGA ACORDO: F1 VIVE ‘CASO PALOU’ COM McLAREN | Briefing

Otmar Szafnauer abriu as portas da Alpine para um eventual retorno de Daniel Ricciardo. O chefe da equipe citou o vai e vem de Fernando Alonso como exemplo e garantiu que não vê problema em uma eventual volta do australiano, que guiou pela Renault nas temporadas 2019 e 2020.

A Alpine anunciou, no início da tarde de terça-feira (2), a promoção de Oscar Piastri ao posto de piloto titular da equipe na F1 em 2023, substituindo Alonso, que vai partir para a Aston Martin no lugar de Sebastian Vettel. Horas depois, porém, o atual reserva da equipe veio a público para desmentir a informação. Pelo Twitter, o campeão de 2020 da F3 e de 2021 da F2 disse que na assinou contrato e que não vai guiar pela equipe.

Daniel Ricciardo correu duas temporadas com a Renault (Foto: Divulgação)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Antes da partida de Alonso, Piastri era especulado na Williams por empréstimo, uma vaga na qual não estava muito interessado. A especulação é de ele tenha assinado com a McLaren, o que deixaria Ricciardo a pé. O australiano tem a posição ameaçada por conta da performance apagada que vem exibindo na F1.

Daniel, contudo, tem um passado com o grupo Renault. O australiano foi contratado a peso de ouro para liderar a equipe, mas, ainda no início da segunda temporada com o time, decidiu assinar com a McLaren, uma decisão que desceu bem para os franceses. Ainda assim, Szafnauer garante que as portas estão abertas.

“Se você olhar para Fernando, por exemplo, ele vem e vai, e acho que isso acontece com outros pilotos também”, disse Szafnauer à publicação inglesa Autosport antes do polêmico comunicado de Piastri. “E não acho que isso seja um problema. Acho que precisamos focar, como disse, nos planos que temos para as próximas 89-8 corridas”, seguiu.

“Temos de ter certeza que complementamos esse plano com o melhor piloto que pudermos e temos algumas opções. E colocarmos o melhor piloto ao lado de Esteban [Ocon] para que possamos seguir adiante com o que estamos planejando”, encerrou.

PALOU SONHA COM FÓRMULA 1, MAS GANASSI NÃO ABRE MÃO
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar