Bottas fecha treino livre 3 na frente em Portugal. Hamilton e Verstappen ficam perto

Valtteri Bottas repetiu os resultados dos treinos de sexta-feira e liderou também a sessão que abriu as atividades de pista neste sábado em Portimão. Os três primeiros foram separados por apenas 0s158

+Do Canadá/2007 a Eifel/2020: como Hamilton alcançou Schumacher em número de vitórias

+Do McLaren MP4-22 ao Mercedes W11: os carros vencedores de Hamilton na F1

A manhã deste sábado (24) em Portimão foi muito mais tranquila que a tarde caótica da última sexta-feira. Desta forma, os 20 pilotos do grid do Mundial de Fórmula 1 tiveram bem mais tempo para executar as simulações em ritmo de classificação e de corrida para a sequência do fim de semana do GP de Portugal. Na tabela de tempos do terceiro treino livre, Valtteri Bottas se manteve na liderança e marcou 1min16s654 na sua melhor passagem. Entretanto, Lewis Hamilton e Max Verstappen, segundo e terceiro, ficaram bem perto do tempo obtido pelo finlandês.

Hamilton foi somente 0s026 mais lento que seu companheiro de equipe, enquanto Verstappen fechou com 0s158 de desvantagem. A sessão terminou com bandeira vermelha por conta de uma tampa de escoamento de água que se soltou à altura da curva 14 do circuito de Portimão. A decisão da direção de prova interrompeu o treino quando restava pouco mais de 1 minuto para a bandeirada.

F1; GP DE PORTUGAL; TL3; VALTTERI BOTTAS;
Valtteri Bottas foi o mais rápido desta manhã de treino livre 3 em Portugal (Foto: Mercedes)

Pierre Gasly, que corre com novo chassi depois do incêndio ocorrido no segundo treino livre, andou muito bem e terminou na quarta posição com a AlphaTauri, logo à frente de um pressionado Alexander Albon, da Red Bull. Charles Leclerc, com a Ferrari, fechou em sexto lugar, seguido pela McLaren de Carlos Sainz. Sergio Pérez, com a Racing Point, foi o oitavo, seguido por Lando Norris, com a outra McLaren, e Esteban Ocon, com a Renault.

Logo mais, a partir de 10h (de Brasília), a Fórmula 1 define o dono da pole-position do GP de Portugal com o treino classificatório em Portimão. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Saiba como foi o treino livre 3 do GP de Portugal

Uma vez que os pilotos e equipes tiveram cerca de 30 minutos a menos de pista nas atividades de sexta-feira em razão das duas bandeiras vermelhas no treino livre 2, a sessão que abriu os trabalhos no sábado começou com carros na pista logo em Portimão. Mas os primeiros minutos foram dedicados somente às chamadas voltas de instalação.

O primeiro a acelerar de forma competitiva e com pneus macios nesta manhã de sábado foi Valtteri Bottas, dono da sexta-feira no Algarve. O finlandês virou 1min17s888 na sua primeira passagem, marca melhor que o estabelecido pelo piloto no treino livre 2: 1min17s940.

Charles Leclerc ficou na quarta posição no segundo treino livre em Portimão (Foto: Beto Issa)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Foi a senha para que mais pilotos buscassem tempos no último treino livre antes da classificação. Daniel Ricciardo, Daniil Kvyat e Charles Leclerc foram alguns dos pilotos que registraram voltas pouco depois. E Lewis Hamilton, na sua primeira tentativa, virou 0s028 mais lento que o companheiro de equipe. Mas, no giro seguinte, o hexacampeão superou o nórdico por enorme vantagem, 0s957, para cravar 1min16s931. A diferença foi reduzida por Valtteri na sequência para 0s647.

Outro piloto que andava bem era Charles Leclerc. O monegasco, dono do quarto melhor tempo na sexta-feira, conseguiu subir para segundo na sessão com 0s479 de desvantagem para Hamilton. Pierre Gasly, que corre com novo chassi neste sábado depois do incêndio na última sexta-feira, também se destacou com uma volta rápida que o fez superar Leclerc para colocar a AlphaTauri momentaneamente à frente da Ferrari. Até que Lewis voltou a apresentar ótima performance para registrar 1min16s680, reforçando sua permanência na ponta da tabela.

Com pneus médios, Max Verstappen, com a Red Bull, aparecia em terceiro e tinha 0s548 de desvantagem para Hamilton, mas conseguiu ser ainda melhor na sua sequência de voltas para registrar 1min16s659. Só que Verstappen teve o seu tempo deletado por ter excedido os limites de pista. Quem também não estava feliz era Romain Grosjean, que xingou Lando Norris depois de ter se sentido atrapalhado pelo prodígio britânico na curva 14: “Idiota”, disparou o franco-suíço, que não vai seguir na Haas em 2021.

Verstappen teve bom desempenho com os pneus médios nesta manhã (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Verstappen registrou outra volta depois de ter perdido o tempo que lhe daria a liderança e ficou 0s132 atrás de Hamilton. Ao mesmo tempo, a Mercedes enviou novamente seus pilotos para a pista para as simulações derradeiras em ritmo de classificação.

Foi aí que Bottas retomou a dianteira da tabela de tempos depois de cravar 1min16s654, só 0s026 mais rápido que Hamilton. O hexacampeão, por sua vez, acabou por cometer um erro na curva 7 e chegou a passear na caixa de brita, mas sem maiores consequências.

F1; FÓRMULA 1; LEWIS HAMILTON; TL3; GP DE PORTUGAL; PORTIMÃO;
Lewis Hamilton passeia pela caixa de brita no TL3 em Portugal (Foto: F1/Twitter)

Com 15 minutos para o fim do treino, o top-10 era formado, pela ordem, por Bottas, Hamilton, Verstappen, Gasly, Alexander Albon, Leclerc, Carlos Sainz, Sergio Pérez, Lando Norris e Esteban Ocon. Daniel Ricciardo, por sua vez, era o 13º, mas o australiano enfrentava problemas porque não conseguia acionar a asa móvel do carro da Renault.

Restando pouco mais de 1 minuto para o desfecho da sessão, a direção de prova acionou a bandeira vermelha porque um pedaço da tampa de escoamento se soltou na pista à altura da curva 14. Na prática, a decisão da direção representou o fim do terceiro treino livre e determinou a nova liderança de Bottas neste fim de semana em Portugal.

Fórmula 1 2020, GP de Portugal, Autódromo Internacional do Algarve, treino livre 3:

1V BOTTASMercedes1:16.654 27
2L HAMILTONMercedes1:16.680+0.02623
3M VERSTAPPENRed Bull Honda1:16.812+0.15821
4P GASLYAlphaTauri Honda1:16.930+0.27624
5A ALBONRed Bull Honda1:17.117+0.46325
6C LECLERCFerrari1:17.229+0.57520
7C SAINZ JRMcLaren Renault1:17.238+0.58424
8S PÉREZRacing Point Mercedes1:17.297+0.64317
9L NORRISMcLaren Renault1:17.478+0.82422
10E OCONRenault1:17.666+1.01220
11S VETTELFerrari1:17.685+1.03124
12D KVYATAlphaTauri Honda1:17.720+1.06629
13K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari1:17.922+1.26820
14D RICCIARDORenault1:17.935+1.28113
15G RUSSELLWilliams Mercedes1:18.032+1.37820
16L STROLLRacing Point Mercedes1:18.100+1.44617
17A GIOVINAZZIAlfa Romeo Ferrari1:18.201+1.54720
18K MAGNUSSENHaas Ferrari1:18.287+1.63313
19N LATIFIWilliams Mercedes1:18.397+1.74320
20R GROSJEANHaas Ferrari1:18.454+1.80019
  Tempo 107%1:22.020+5.366 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube