Chefe da Mercedes exalta corrida de recuperação de Bottas no Azerbaijão: “Foi um milagre do esporte”

A incrível reação de Valtteri Bottas no não menos espetacular GP do Azerbaijão foi muito elogiada por Toto Wolff. O finlandês chegou a andar em último depois de um incidente com Kimi Räikkönen na primeira volta em Baku, mas se recuperou durante a prova, levou sorte com os safety-cars e a bandeira vermelha e ainda fez uma ultrapassagem incrível sobre Lance Stroll na linha de chegada para terminar em 2º

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Diante de uma corrida em que quase tudo aconteceu em Baku no último domingo (25), sobretudo a polêmica que incendiou de vez a rivalidade entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel, a incrível reação de Valtteri Bottas ficou em segundo plano. Mas Toto Wolff, chefe de equipe da Mercedes, não deixou de exaltar a corrida de recuperação do finlandês, que após um incidente com Kimi Räikkönen no início do GP do Azerbaijão, caiu para último, remou muito, levou sorte com os safety-cars e a bandeira amarela e, por fim, fez a ultrapassagem derradeira sobre Lance Stroll na linha de chegada da última volta para terminar a prova em Baku na segunda posição. Um feito milagroso para quem tinha a corrida praticamente perdida.

 
“Sua corrida foi incrível. Sair bem de trás e terminar em segundo foi um milagre do esporte. Sua largada, especialmente na curva 2, foi infeliz. Ele simplesmente saltou as zebras e ficou muito atrás. Nós sabíamos que sua única chance de voltar ao jogo de novo seria com um safety-car”, destacou o chefe da Mercedes em entrevista ao site oficial da F1.
A grande corrida de Bottas se encerrou com a ultrapassagem sobre Stroll na linha de chegada (Foto: Mercedes/Twitter)
“A performance de Daniel, largando de décimo e terminando em primeiro, e com Lance no pódio, foi em uma dessas corridas em que tudo pode acontecer. E assim foi. A imprevisibilidade do resultado foi simplesmente maravilhosa”, exaltou o dirigente.
 
Dentre tantos assuntos, Wolff disse que jamais houve antes um problema como o que tirou a vitória certa de Hamilton no Azerbaijão. A proteção à cabeça do piloto se soltou durante a corrida, e Lewis teve de fazer uma parada não prevista nos boxes para que os mecânicos pudessem encaixar novamente a peça, um dos elementos de segurança dos carros de F1.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Temos de analisar com nosso departamento de design. Talvez não estava corretamente encaixado. Não teve nada a ver com o incidente de Sebastian. Também posso dizer que não tivemos problemas parecidos com esse antes. Ao menos, não ouvi nada do tipo”, comentou.

 
Por fim, o chefe falou também sobre a polêmica envolvendo Hamilton e Vettel e defendeu seu piloto ao afirmar que não houve de errado na postura do britânico. “Houve algum dano no difusor [após o toque de Vettel na traseira do Mercedes #44], o que não ajuda na performance. O fato é que os dados mostram que Lewis não fez brake-test. Lewis não fez nada errado. Os dados provam isso”, complementou.
NOVA DERROTA EM 2017 MOSTRA QUE TOYOTA E LE MANS SÃO COMO ‘ÁGUA E ÓLEO’

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube