Chefe da Renault ignora relação com Mercedes e Manor e coloca Ocon como candidato à vaga de titular em 2017

Esteban Ocon trocou a reserva na Renault pela titularidade na Manor, mas isso não impede os franceses de pensarem em um retorno. Cyril Abiteboul, chefe da escuderia, vê Ocono como um possível titular em 2017

Esteban Ocon, piloto de desenvolvimento da Mercedes, foi acolhido pela Manor no GP da Bélgica. Era o fim da relação do francês com a Renault, equipe que o recebeu como piloto reserva ao longo do primeiro semestre de 2016. A mudança de teto certamente muda o rumo do mercado de pilotos para 2017, mas não a ponto de Cyril Abiteboul, chefe da Renault, descartar o retorno de Ocon.
 
“Queremos deixar claro que, apesar de ter sido contratado pela Manor e de ter sido emprestado pela Mercedes para a Renault, não perdemos interesse nele. Ele é um dos candidatos, ao lado de outros, como todo mundo sabe. Não quero criar especulações, tudo está em aberto”, explicou Abiteboul, falando ao ‘Motorsport.com’.
Esteban Ocon ainda é bem visto pela Renault (Foto: Renault)
O dirigente explica que existe uma boa relação entre Renault e Mercedes. Apesar de estarem em lados opostos nas pistas, Abiteboul acredita que seria possível “dividir bens”, uma cooperando com a outra.
 
“Seria muito positivo dividir nossos bens. E um piloto é um bem, apesar de não ser um bem material. Isso não seria problema. Seria difícil com outras equipes, mas com a Daimler (grupo que gerencia a marca Mercedes-Benz) a ideia seria bem recebida”, seguiu.
 
“Apesar da boa relação entre Renault e Daimler, em algum momento vamos precisar tomar nosso próprio rumo, investir nos nossos pilotos”, ponderou.
 
A Renault investe em outros pilotos nas categorias de base, mas nenhum deles parece cotado para a F1. Dentre estes, o mais chamativo parece ser Oliver Rowland, campeão da World Series e hoje na GP2.
 
Todos os questionamentos ao redor da dupla de pilotos da Renault para 2017 é consequência direta da temporada ruim em 2016. Kevin Magnussen e Jolyon Palmer passaram a ser muito questionados e tem futuro incerto.
PADDOCK GP #44 DEBATE VITÓRIAS DE ROSBERG EM SPA E DE RAHAL NO TEXAS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube