F1
25/05/2017 10:29

Com Mercedes 'apagada', Vettel destrói recorde de Hamilton e fecha na frente quinta-feira de treinos livres em Mônaco

Sebastian Vettel aproveitou que a Mercedes trabalhou durante a tarde focada em ritmo de corrida e não apenas foi mais o mais rápido, mas pulverizou o recorde da pista. O tetracampeão cravou 1min12s720 em sua melhor passagem. A Red Bull mostrou bom trabalho e a Toro Rosso voltou a andar bem no Principado
Warm Up / FERNANDO SILVA, de Sumaré
 _MG_1889
 


Sebastian Vettel fechou a quinta-feira (25) que abriu o fim de semana do GP de Mônaco com o melhor tempo do dia. Não que sirva totalmente como referência, uma vez que a Mercedes não mostrou todo o seu potencial em ritmo de classificação no segundo treino livre em Monte Carlo, sobretudo por conta de problemas de aquecimento dos pneus ultramacios, preferindo focar boa parte da sessão para simulações de corrida. Assim, o tetracampeão 'deitou e rolou'  e estabeleceu o novo recorde do Principado ao cravar 1min12s720. Vettel foi quase 0s5 mais rápido que o segundo colocado e pole do ano passado, Daniel Ricciardo.

Kimi Räikkönen garantiu o terceiro melhor tempo da sessão e foi seguido pela dupla da equipe que mais se destacou em toda a quinta-feira. A Toro Rosso, que já havia andado bem no treino da manhã, foi ainda melhor à tarde. Daniil Kvyat, que chegou a liderar a primeira meia-hora da sessão, garantiu um notável quarto lugar, seguido de perto pelo seu companheiro de equipe, Carlos Sainz. Só então veio a outra Red Bull, de Max Verstappen. Sergio Pérez, da Force India, se colocou em sétimo. A melhor Mercedes foi a de Lewis Hamilton, apenas oitavo. Kevin Magnussen se colocou entre o #44 e o outro carro prateado, de Valtteri Bottas. Felipe Massa foi o 13º, fechou um dia discreto em casa e ficou atrás até das McLaren de Stoffel Vandoorne e Jenson Button.
Sebastian Vettel pulverizou o recorde da pista na tarde desta quinta-feira (Foto: AFP)
A programação peculiar de Mônaco não reserva atividades da F1 na sexta-feira, pelo menos na pista. Os carros voltam a acelerar em Monte Carlo na manhã de sábado, a partir das 6h (hora de Brasília) com o terceiro treino livre. A definição do grid de largada acontece pouco depois, às 9h. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL por meio do novo livetiming.


Saiba como foi o segundo treino livre do GP de Mônaco de F1

Um dos grandes destaques do primeiro treino em Monte Carlo, a Toro Rosso começou bem a segunda sessão e liderou os primeiros minutos da tarde com Daniil Kvyat e Carlos Sainz. O russo, inclusive, logo de cara superava a marca de Hamilton estabelecida pela manhã e tinha 1min13s331. Era mais uma prova do grande equilíbrio do chassi desenhado por James Key.

A sessão tinha também a presença de Nico Hülkenberg e Marcus Ericsson, que não registraram tempos pela manhã. O sueco, contudo, era um dos tantos a beijar o guard-rail do Principado. Pior foi para Jolyon Palmer, que deu adeus ao treino logo no começo em razão de um problema no motor do seu Renault.
Daniil Kvyat liderou a primeira meia-hora do treino da tarde em Mônaco (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
A Mercedes liberou seus pilotos para o primeiro stint com pneus supermacios. Bottas e Hamilton registraram marcas muito parecidas, com o finlandês sendo ligeiramente mais rápido, porém 1s076 atrás do tempo de Kvyat. Nem Verstappen conseguiu superar a marca do russo e se colocou entre Daniil e Sainz, em segundo. Coube a Ricciardo, 0s051 mais rápido, finalmente bater o tempo do #26. Enquanto isso, Jenson Button tinha desempenho muito bom e se colocava no top-10, assim como Stoffel Vandoorne.

Räikkönen foi o primeiro piloto da Ferrari a marcar tempo com os ultramacios, mas nem assim conseguiu superar a volta de Ricciardo. Ainda assim, o 'Homem de Gelo' subiu para terceiro. Pouco antes do fim da primeira metade do treino, a Mercedes também liberou Bottas e Hamilton com pneus 'roxos', antes de Kimi finalmente encaixar uma boa volta e ficar a apenas 0s002 da volta do líder da sessão.

A Mercedes estava em um programa diferente e claramente avaliando seu carro em ritmo de corrida com pneus ultramacios. Então Vettel ficou com caminho livre para 'deitar e rolar'. Com pista livre à frente, o tetracampeão destruiu o tempo de Ricciardo em 0s521 e cravou 1min12s759. Não contente, Seb melhorou mais um pouco e passou em 1min12s720. E a dupla da McLaren, com Vandoorne à frente de Button, superava Massa, que caía para 13º.
Lance Stroll errou e bateu sua Williams no segundo treino livre (Foto: Reprodução)
O treino parecia tranquilo até que Lance Stroll escorregou de traseira e bateu na entrada da curva do Cassino, destruindo o lado direito da sua Williams com 56 minutos de sessão. A direção de prova chegou a acionar o safety-car virtual, mas depois optou pela bandeira vermelha.

A sessão foi retomada às 15h em ponto (10h pelo horário de Brasília). Na meia-hora final, as equipes trabalharam focadas em ritmo de corrida, seguindo mais ou menos o programa estabelecido pela Mercedes ao longo da sessão como um todo. Assim, as posições ficaram inalteradas, sobretudo entre os ponteiros, com Vettel terminando como o mais rápido da quinta-feira, seguido por Ricciardo e Räikkönen. A Toro Rosso, sem dúvida, foi o grande destaque, com Kvyat em quarto e Sainz fechando em quinto. Massa foi apenas o 13º.

F1, GP de Mônaco, Monte Carlo, treino livre 2: 

1   5 Sebastian VETTEL ALE Ferrari 1:12.720   38
2   3 Daniel RICCIARDO AUS Red Bull Tag Heuer 1:13.207 +0.487 35
3   7 Kimi RÄIKKÖNEN FIN Ferrari 1:13.283 +0.563 46
4   26 Daniil KVYAT RUS Toro Rosso Renault 1:13.331 +0.611 41
5   25 Carlos SAINZ JR ESP Toro Rosso Renault 1:13.400 +0.680 43
6   33 Max VERSTAPPEN HOL Red Bull Tag Heuer 1:13.486 +0.766 36
7   11 Sergio PÉREZ MEX Force India Mercedes 1:13.799 +1.079 45
8   44 Lewis HAMILTON ING Mercedes 1:13.873 +1.153 31
9   20 Kevin MAGNUSSEN DIN Haas Ferrari 1:13.890 +1.170 46
10   77 Valtteri BOTTAS FIN Mercedes 1:13.902 +1.182 39
11   2 Stoffel VANDOORNE BEL McLaren Honda 1:13.943 +1.223 42
12   22 Jenson BUTTON ING McLaren Honda 1:13.981 +1.261 37
13   19 Felipe MASSA BRA Williams Mercedes 1:14.003 +1.283 46
14   8 Romain GROSJEAN FRA Haas Ferrari 1:14.022 +1.302 44
15   31 Esteban OCON FRA Force India Mercedes 1:14.093 +1.373 47
16   18 Lance STROLL CAN Williams Mercedes 1:14.474 +1.754 27
17   27 Nico HÜLKENBERG ALE Renault 1:14.870 +2.150 41
18   27 Jolyon PALMER ING Renault 1:15.616 +2.896 8
19   9 Marcus ERICSSON SUE Sauber Ferrari 1:15.691 +2.971 32
20   94 Pascal WEHRLEIN ALE Sauber Ferrari 1:15.695 +2.975 37
          Tempo 107% 1:17.810 +5.090  
                 
Recorde Sebastian VETTEL ALE Ferrari 1:12.720 25/05/2017  
Melhor volta Lewis HAMILTON ING Mercedes 1:17.939 29/05/2016  
 
GENIAL, ALONSO FOI ESPETACULAR NA CLASSIFICAÇÃO EM INDIANÁPOLIS E ENTRA NO PÁREO PELA VITÓRIA