Cotado para substituir Rosberg na Mercedes, Hülkenberg nega arrependimento por assinar com Renault

Nico Hülkenberg chegou a ser cotado para substituir Nico Rosberg na Mercedes, mas o acordo assinado com a Renault inviabilizou a mudança. O germânico, no entanto, garante não ter se arrependido de fechar com a fábrica francesa

 

O tempo não ajudou Nico Hülkenberg. O germânico chegou a ser cotado pela Mercedes como substituto de Nico Rosberg, mas o acordo assinado previamente com a Renault acabou inviabilizando a mudança.

 
No início de dezembro, o jornal alemão ‘Bild’ revelou que a Mercedes consultou a Renault para tentar a liberação de Hülkenberg, mas não teve sucesso. A escuderia de Brackley, então, costurou um acordo com a Williams para ter Valtteri Bottas ao lado de Lewis Hamilton.
Nico Hülkenberg negou arrependimento por acerto com a Renault (Foto: Twitter/F1)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Falando à revista alemã ‘Kicker’, Hülkenberg negou que tenha se arrependido de fechar com a Renault e rejeitou a teoria de que se tivesse adiado a decisão de mudar da Force India para o time francês, seria o primeiro na fila da Mercedes.
 
“Antes de mais nada, não seria realista esperar tanto tempo para assinar”, disse Hülkenberg. “E mesmo que eu estivesse livre em dezembro, eu não teria certeza de que a Mercedes me escolheria. Então, estou totalmente satisfeito com a minha decisão”, assegurou.
 
Aos 29 anos, Nico não se mostrou preocupado com o atraso da Renault em relação aos times rivais e se disse confortável em sua posição.
 
“No momento, me sinto muito confortável na minha pele, e muito confortável com a minha situação no projeto muito legal da Renault”, assegurou. “Estou extremamente ansioso para isso, não importa a minha idade”, frisou.
 
Por fim, Hülkenberg minimizou a performance apresentada pela Renault no ano passado, uma vez que a fábrica francesa fechou a compra da Lotus na última hora.
 
“Tinha tanta coisa acontecendo que ninguém poderia esperar muito. Mas tudo isso vai mudar agora”, garantiu. “Estou convencido de que, se trabalharmos juntos, teremos um bom futuro pela frente”, concluiu.

PADDOCK GP #67 RECEBE OZZ NEGRI E DEBATE TESTES DA F1 EM BARCELONA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube