Domenicali defende punição, mas diz que Vettel não quis prejudicar Alonso: “É um piloto duro, mas leal”

Stefano Domenicali, chefe da Ferrari, voltou a defender a punição a Sebastian Vettel pela fechada em Fernando Alonso no GP da Itália, mas afirmou que germânico não quis prejudicar o asturiano

A punição a Sebastian Vettel imposta pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) no GP da Itália pela fechada em Fernando Alonso segue dando o que falar. Em entrevista ao site oficial da Ferrari, Stefano Domenicali voltou a defender a medida, baseando-se, principalmente, em uma orientação dada pela entidade após o GP do Bahrein.

Segundo o dirigente, após a etapa em Sakhir, a FIA orientou os times afirmando que o piloto que estiver na frente tem de deixar espaço para o que tenta ultrapassar, caso alguma parte do carro já esteja do lado.
 

Domenicali acredita que Vettel não quis prejudicar Alonso em Monza (Foto: Ferrari)


“Foi uma batalha dura e eu acredito que a decisão dos comissários foi certa, principalmente após o esclarecimento que foi dado pela FIA após o GP do Bahrein”, defendeu Domenicali.

Stefano, no entanto, afirmou que Vettel não teve intenção de prejudicar Alonso e classificou o rubro-taurino como um piloto leal.

“Também tenho certeza de que Sebastian não teve intenção de prejudicar a corrida do Fernando: o germânico é um piloto duro, mas leal”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube