Em busca de vitória e reação, Webber aprova desempenho da Red Bull na Coreia do Sul

Mark Webber somou apenas 18 pontos desde que venceu sua última prova na F1, o GP da Inglaterra, em julho. O australiano quer aproveitar a boa fase da Red Bull para reagir no Mundial

Animado com a boa fase da Red Bull, que colocou Sebastian Vettel em condições de vencer as duas últimas corridas da temporada — Cingapura e Japão —, Mark Webber quer aproveitar o momento para reagir no Mundial. Desde que venceu o GP da Inglaterra — dias antes de renovar contrato por mais uma temporada com o time de Milton Keynes —, o australiano somou apenas 18 pontos. A título de comparação, Vettel, no mesmo período de seis corridas, acumulou nada menos que 90 pontos.

E para começar a sua virada no Mundial, Webber, cada vez com menos chances matemáticas de lutar pelo título, iniciou o fim de semana do GP da Coreia do Sul de maneira bem semelhante a Suzuka, na semana passada. Assim como aconteceu no Japão, o australiano encerrou o primeiro dia de treinos em Yeongam em segundo lugar, tendo apenas Vettel à sua frente. O tempo de Webber — 1min38s864 — foi apenas 0s032 mais lento que o do companheiro de equipe.

Webber aprovou o rendimento da Red Bull nos treinos desta sexta-feira em Yeongam (Foto: Red Bull/Getty Images)

No entanto, Mark quer que a história da corrida na Coreia do Sul seja bem diferente do que em Suzuka, quando Romain Grosjean tocou em seu carro e praticamente lhe tirou da briga por um bom resultado, encerrando um fim de semana que parecia ser promissor.

“Eu preciso vencer, este é o meu objetivo. Vim aqui para acelerar. Foi um pequeno bom duelo entre Sebastian e eu em Suzuka. Ele fez um belo trabalho no Q3, nós fizemos um trabalho muito bom”, disse o veterano durante entrevista coletiva concedida em Yeongam nesta sexta-feira, dia considerado bastante produtivo para Webber, que aprovou o rendimento do RB8.

“Acho que foi ok. Fiquei surpreso porque a pista estava boa. Para ser sincero, tivemos piores lugares para uma sexta-feira. A pista não estava ruim, embora o primeiro trecho não tenha sido bom”, disse o experiente piloto, avaliando o nível de aderência do asfalto sul-coreano.

Em seguida, o australiano se mostrou esperançoso em poder continuar tendo um bom rendimento ao longo do fim de semana no país asiático. “Espero que possamos seguir na frente e ter um bom desempenho novamente amanhã”, falou Webber, evidenciando o desejo por reação imediata. “Tivemos programas [de treino] parecidos com esses em Suzuka, mas apenas um de nós fez bem o trabalho lá, então vou buscar fazer isso no domingo”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube