Em capa de revista, Williams revela primeiras imagens do FW36 com bico estreito e pintura azul

A Williams apresentou na manhã desta quarta-feira (23) as primeiras imagens do FW36, o carro para a temporada 2014 da F1. Obedecendo às novas regras, o bico do modelo é mais baixo e estreito


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A WILLIAMS se tornou a segunda equipe a revelar imagens do carro com o qual vai disputar a temporada 2014 da F1. Nesta quinta-feira (23), a esquadra de Grove usou a capa da revista inglesa ‘F1 Racing’ para apresentar o desenho do FW36, que, obedecendo às novas regras, tem o bico muito mais baixo e estreito. A pintura definitiva do modelo não foi mostrada, entretanto. O carro veio inteiro em azul, layout que a equipe deve usar nos primeiros testes da pré-temporada, em Jerez de la Frontera, já na próxima semana. A Williams é equipada com motor V6 turbo da Mercedes.

O time inglês também é o primeiro a mostrar como verdadeiramente vão ficar os bicos dos modelos 2014 da F1, de acordo com a nova regulamentação técnica. Nesta quarta-feira, a Force India também mostrou o VJM07, mas não foi possível identificar com mais precisão o desenho da parte dianteira.

Layout do novo carro da Williams para a temporada 2014 da F1 (Foto: Reprodução/Twitter)


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A nova regulamentação técnica para 2014 estipula um chassi mais alto com o bico em uma altura de 185mm, o que é significativamente menor do que o usado anteriormente. E a Williams optou pela solução chamada de 'tamanduá', em um visual mais agressivo, como vários engenheiros já haviam alertado que seria. Assim como a Force India, a equipe também demonstrou no desenho do FW36 grande preocupação em maximizar o fluxo de ar sob o carro.

Embora o novo motor V6 represente a chave para o desempenho neste ano, o diretor-técnico Pat Symonds acredita que escuderia britânica conseguiu dar um passo à frente com relação ao desempenho aerodinâmico. "A F1 ainda será uma fórmula aerodinâmica em 2014" disse o engenheiro.

"Há algumas mudanças significativas: o nariz é menor do que no ano passado e a asa dianteira é mais estreita, o que significa que as placas terminais estão agora envoltas pelo pneu dianteiro. A asa traseira não é tão funda como no ano passado e o feixe abaixo já não é mais permitido. Nós também perdemos a capacidade de usar o escape para melhorar o desempenho aerodinâmico", explicou.

"Estou realmente confiante de que agora estamos mais perto de um bom desempenho aerodinâmico do que estávamos no ano passado", completou.

Outro ângulo do novo carro da Williams para a temporada 2014 da F1 (Foto: Reprodução/Twitter)


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

As novas regras também provocaram mudanças nos setores de refrigeração, de acordo com o diretor-técnico da Williams. "As demandas de água e refrigeração de óleo foram ligeiramente reduzidas, mas o sistema de recuperação de energia é significantemente poderoso e, portanto, precisa de mais refrigeração. Nós também temos de esfriar o ar de admissão do compressor do turbo", disse.

A Williams optou ainda por fabricar sua própria caixa de câmbio, que terá oito marchas, ao invés de comprá-la da Mercedes. "Nós terminamos a caixa de marchas relativamente cedo", revelou Symonds. "É um sistema completamente novo e ainda temos de lidar com muito mais torque do que foi o caso com o V8", acrescentou.

O FW36, que neste ano será conduzido por Felipe Massa e Valtteri Bottas, vai para a pista na próxima terça-feira, dia 28, na pista espanhola de Jerez, que recebe a primeira bateria de testes da pré-temporada.

O GRANDE PRÊMIO revelou ontem, através do parceiro Américo Teixeira Jr., do DIÁRIO MOTORSPORT, que a Williams vai resgatar a Martini de volta à F1.

Foto: Vá com a AMK VIAGENS para a Espanha e acompanhe de perto o GP DA ESPANHA DE F1, quinta etapa da temporada 2014 da F1! Aproveite para conhecer a bela cidade de BARCELONA! Confira os pacotes e preços e faça sua reserva!http://amkviagens.com.br/2011/index.php/terrestres_internacionais/ver/74

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube