Empresária coloca em xeque futuro de Petrov na F1 e pede apoio de empresas russas

Sem patrocinadores fortes, Oksana Kosachenko, empresária de Vitaly Petrov, coloca em xeque o futuro do piloto na F1 no futuro. Segundo ela, é difícil vender um piloto russo para as empresas locais

Após duas temporadas na Lotus Renault, Vitaly Petrov foi contratado pela Caterham neste ano para substituir Jarno Trulli e ser o novo companheiro de Heikki Kovalainen. Mesmo levando patrocinadores a equipe malaia, a empresária de Petrov, Oksana Kosachenko, revela que não sabe se o piloto vai continuar na categoria no futuro.

"Se a presença de um piloto russo na F1 vai ser interessante para alguém além de Vitaly Petrov e Oksana Kosachenko, vamos descobrir", disse a empresária ao jornal russo ‘Sport-Express’.

Empresária de Petrov vê futuro do piloto ameaçado na F1 (Foto: Caterham/Charles Coates/LAT Photographic)

Kosachenko reclama que não há apoio das empresas russas aos atletas e que é ainda mais difícil para ela conquistar patrocínio em um esporte que não está entre os mais populares da Rússia. "A F1 é ótima e de muito prestígio, mas para Vitaly é um trabalho que não traz nenhum dinheiro. Por quê? Existem muitas razões. Na Rússia, é difícil vender um atleta, mas para vender um piloto de F1? É quase impossível", revelou.

Sem somar pontos neste ano, Petrov tem como melhor resultado a terceira colocação no GP da Austrália disputado em 2011. Com 37 pontos, o piloto acabou o campeonato na décima colocação. Com tudo programado, a Rússia terá sua primeira prova da F1 em 2014.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube