Fora após choque com Grosjean na Bélgica, Hamilton prefere não comentar acidente da largada

Lewis Hamilton abandonou o GP da Bélgica ainda nos primeiros metros após um acidente com Romain Grosjean na largada. Britânico preferiu não comentar o lance inicial, minimizou força do choque e parabenizou Jenson Button pela dominante vitória

► Quer concorrer a 2 prêmios da Mercedes? Participe já da promoção
► Red Bull procura maior kartista amador do Brasil. Veja como participar


Lewis Hamilton não teve vida fácil na Bélgica. Após conquistar a sétima colocação no grid de largada de Spa-Francorchamps e reclamar bastante da opção pelo modelo antigo da asa traseira do MP4-27, o britânico teve suas chances de uma boa prova reduzidas a zero em um acidente na largada.

Romain Grosjean tocou a roda do carro de Hamilton logo na largada, perdeu o controle do E20 na entrada da La Source, acertou Sergio Pérez e decolou, atingindo Kamui Kobayashi e passando por cima da Ferrari de Fernando Alonso.

Após a corrida deste domingo (2), o campeão de 2008 preferiu não comentar o acidente. “Não quero falar sobre o acidente da largada”, disse. “Eu estou bem, só sofri um arranhão na perna. Não há muito que dizer. Todos viram o que aconteceu”, continuou.

O acidente chegou a assustar, já que Alonso demorou um pouco mais para deixar o carro. O asturiano foi examinado no centro médico belga e passa bem. Apesar do susto, Lewis minimizou a força do toque. “Já tive muito piores do que aquele”, afirmou.

Hamilton se contentou em parabenizar o companheiro, Jenson Button, pela vitória dominante e destacou o bom ritmo exibido pelo time de Woking.

“Quero apenas parabenizar o Jenson, ele fez uma corrida fantástica. Pareceu um passeio no parque para ele”, avaliou. “É ótimo ver que o time tinha ritmo e eu tenho de tentar tirar isso do meu carro na próxima corrida”, considerou.
 

As imagens deste domingo da F1 na Bélgica
Confira a classificação do Mundial de F1

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube