Force India pede por mais testes com novos pneus antes de mudança definitiva nos compostos de 2013

O chefe interino da equipe indiana, Rob Fernley, disse que as equipes deveriam testar os novos compostos no Canadá antes de a Pirelli decidir por uma alteração definitiva na borracha usada na atual temporada

As imagens da quinta-feira no F1 em Monte Carlo 
Acompanhe a cobertura do GP de Mônaco no GRANDE PRÊMIO
Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

Mesmo insatisfeita com a decisão da Pirelli de mudar a construção dos pneus a partir do GP do Canadá, a Force India negou que tenha vetado qualquer alteração. Entretanto, antes que qualquer modificação definitiva fosse feita, o chefe interino da equipe indiana, Bob Fernley, afirmou que gostaria de testar os pneus durante os treinos em Montreal.

“Minha opinião é que deveríamos correr com o que temos, os pneus de 2013, e se a Pirelli conseguir jogos de pneus de testes e quiser que dermos uma olhada enquanto isso, então nós devemos testá-los e avaliá-los”, disse o dirigente à revista inglesa ‘Autosport’.

A Force India negou que tenha vetado mudanças nos pneus (Foto: Force India)

A polêmica envolvendo os pneus da Pirelli começou no GP da Espanha, quando alguns pneus estavam se desfazendo durante a prova. Para tentar corrigir isso, a fabricante italiana anunciou que pretende mudar a construção do pneu, passando de aço a kevlar na parte interna, assim como acontecia até o ano passado.

Caso essa alteração seja feita, os problemas de degradação que algumas equipes – principalmente a Mercedes – vêm enfrentando seriam diminuídos. Por isso, Lotus e Ferrari já se mostraram cautelosas quanto à mudança, enquanto a Force India cogitou vetar o processo todo.

Porém, segundo Fernley, a maior preocupação da Pirelli não é deixar os pneus mais seguros e, sim, restaurar a imagem da empresa como uma fabricante que sabe fazer bons compostos. “É mais sobre garantir que a imagem da Pirelli está protegida, principalmente daqui para frente, porque eles não querem ver o pneu se desfazendo. Não é uma questão de segurança”, avaliou.

O dirigente, por fim, afirmou que a Force India não é contrária às mudanças. Apenas quer que as coisas sejam feitas de um jeito correto. “Eu não acho que estamos indo contra o procedimento, queremos passar apenas pelo processo correto”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube