Haas sofre problema logístico e corre risco de perder dia de testes no Bahrein

Atraso em avião cargueiro pode forçar Haas a perder primeiro dia de testes no Bahrein. Time cogita tentativa para andar de forma isolada no domingo para recompensar

PIETRO FITTIPALDI É MELHOR OPÇÃO PARA SUBSTITUIR MAZEPIN NA F1?

Os momentos de turbulência na Haas parecem não ter fim. Após virar centro das atenções na F1 pela invasão russa na Ucrânia por e demitir o piloto Nikita Mazepin, o time corre risco de perder sessões da pré-temporada do Bahrein, que acontece entre a quarta-feira (10) e a sexta-feira (12) desta semana.

Segundo a revista alemã Auto Motor und Sport, a equipe teve um problema com o avião cargueiro que leva os equipamentos, e os carros e peças não devem chegar no Bahrein até a terça-feira de manhã. Outros times conseguiram antecipar a entrega do material para esta segunda.

A Haas precisou desenhar uma rota alternativa para o equipamento, já que o avião pousou em Istambul, na Turquia. A revista cita que o chefe de equipe Guenter Steiner já fala em não andar na quinta-feira, o primeiro dia de atividades. Segundo ele, se isso acontecer, o time pode ser autorizado a ir à pista separadamente no domingo (14) como compensação.

+Mick Schumacher avalia mudanças da F1 em 2022: “O mais importante é o peso”
+Bottas garante que “pode ser a melhor versão de si” na Alfa Romeo em 2022 na Fórmula 1

Haas acabou com o contrato com patrocinadora russa (Foto: Haas)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Na primeira parte da pré-temporada, realizada em Barcelona, a Haas completou apenas 159 voltas nos três dias de testes. Para o Bahrein, o dono Gene Haas já avisou que o brasileiro Pietro Fittipaldi vai substituir o demitido Mazepin, mas não confirmou a promoção do piloto ao posto de titular ao lado do alemão Mick Schumacher.

No último sábado, a equipe anunciou a saída de Nikita e o rompimento do contrato com a exportadora russa de fertilizantes Uralkali. A decisão veio como reflexo e rejeição da invasão da Rússia na Ucrânia, que teve início no último dia 24. Ao total, Mazepin fez 21 corridas pelo time, com zero pontos somados.

COMO O NÚMERO #1 PASSOU A SER USADO PELOS CAMPEÕES DA FÓRMULA 1?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar