Hamilton abre 37 pontos na liderança após vitória na Espanha. Confira classificação

Lewis Hamilton deu mais um passo rumo ao heptacampeonato mundial. Neste domingo, o britânico chegou aos 132 pontos no Mundial de Pilotos. No campeonato dos Construtores, a Racing Point, com o quarto lugar de Lance Stroll e o quinto de Sergio Pérez, superou a McLaren e agora está em terceiro

Lewis Hamilton alcançou uma vitória soberana neste domingo (16) de GP da Espanha e, com o resultado, ampliou ainda mais sua vantagem, que já era confortável, na liderança do campeonato. O hexacampeão do mundo chegou aos 132 pontos e agora está 37 à frente de Max Verstappen, que conseguiu se manter como vice-líder depois de cruzar a linha de chegada à frente de Valtteri Bottas nesta tarde em Barcelona.

O finlandês conseguiu minimizar um pouco o prejuízo com o ponto extra obtido graças à volta mais rápida, feita no último giro da corrida. Ainda assim. Bottas tem 89 tentos, seis a menos na comparação com o holandês da Red Bull.

Confira classificação do campeonato após GP da Espanha de F1

Lewis Hamiton segue firme na liderança do Mundial de Pilotos (Foto: Mercedes)

Charles Leclerc não pontuou neste domingo porque abandonou a disputa em razão de problemas elétricos na sua Ferrari. Em contrapartida, Lance Stroll subiu na classificação ao somar 12 pontos na corrida e chegar a 40 no campeonato, 5 a menos que Leclerc e exatamente o mesmo número de Alexander Albon, da Red Bull. Mas o piloto da Racing Point leva a vantagem pelos critérios de desempate.

Lando Norris, que chegou a estar até em terceiro no campeonato após as duas primeiras corridas, está em décimo. O piloto da McLaren somou apenas 1 ponto neste domingo e agora soma 39, contra 32 de Sergio Pérez, da Racing Point, quinto colocado no GP da Espanha. Carlos Sainz, também da McLaren, quebrou a sequência de duas corridas longe dos pontos, finalizou a corrida em casa na sexta posição e agora tem 23 tentos no Mundial de Pilotos, enquanto Daniel Ricciardo, da Renault, zerou hoje e segue com 20 pontos, em décimo

Sebastian Vettel deu um salto na tabela com os 6 pontos marcados em Barcelona. O tetracampeão, que tinha apenas 10 pontos, agora surge com 16 e está em 11º lugar, empatado com Esteban Ocon, da Renault.

No Mundial de Construtores, a Mercedes segue nadando de braçada e agora tem 221 tentos, contra 135 da Red Bull, uma vantagem de 86 pontos. Destaque para a Racing Point, que deu um salto importante no campeonato e pulou de quinto para terceiro lugar. Agora, a escuderia de Silverstone soma 63 pontos, contra 62 da McLaren e 61 da Ferrari, que fecha o top-5.

A Renault segue estacionada em sexto e acumula 36 tentos, contra 16 da AlphaTauri — que tem 14 desses pontos somados por Pierre Gasly. A Alfa Romeo segue com apenas 2 pontos, obtidos por Antonio Giovinazzi no GP da Áustria, e a Haas é a nona colocada e tem 1 ponto. A Williams é a única dentre as dez equipes sem pontos no Mundial com seis corridas disputadas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube