Hamilton fica intrigado sobre queda de ritmo no Red Bull Ring: “É a mesma pista”

Quarto mais rápido no primeiro treino livre e somente sexto na segunda sessão do GP da Estíria, Lewis Hamilton teve uma performance que em nada lembrou o domínio que impôs há uma semana no Red Bull Ring. E ainda não sabe explicar o que motivou tamanha queda de ritmo do seu Mercedes W11 #44

Ao menos no primeiro dia do fim de semana do GP da Estíria, a performance do Mercedes W11 #44 de Lewis Hamilton mudou do vinho para a água. Dominante há exatamente uma semana nos treinos livres para o GP da Áustria, no mesmo Red Bull Ring que é palco da corrida deste domingo, o hexacampeão cravou 1min04s816 na primeira sessão e 1min04s304 horas depois, liderando assim as duas atividades. Nesta sexta-feira (10), contudo, Lewis não passou de 1min04s348, tempo feito com pneus macios, e foi somente o sexto mais rápido do dia.

Hamilton foi superado, no segundo treino livre do dia, por Max Verstappen — o mais rápido da sexta-feira —, Valtteri Bottas, Sergio Pérez, Lance Stroll e Carlos Sainz.

Ao ser questionado sobre o que provocou tamanha perda de performance em um curto estado de tempo, o piloto de 35 anos explicou que seu carro “parecia muito similar” ao do último fim de semana, mas ainda não sabe o que causou a perda de ritmo.

Nem Lewis Hamilton conseguiu explicar a perda de performance nesta sexta-feira (Foto: Mercedes)

“É a mesma pista, então não tem uma diferença enorme. Parecia relativamente normal, mas fiquei muito longe. Estamos trabalhando bastante para descobrir o motivo. Estava bem no primeiro treino, e o início da segunda sessão foi muito bom. Então, comecei a perder [ritmo], não sei por quê”, disse.

“Há outros pilotos que obviamente são mais rápidos, e Valtteri tem um bom ritmo. Então, espero que amanhã possamos estar numa posição melhor”, salientou.

Hamilton revelou que ainda está preocupado com o problema no câmbio que a Mercedes apresentou no último domingo, o que motivou a ordem para que tanto Lewis como Bottas adotassem uma pilotagem mais suave ao passar pelas zebras no Red Bull Ring.

“Ainda temos de ter cuidado, o carro pode ficar danificado ao passar pela zebra. Se vai ser tão difícil quanto foi no domingo passado, isso é algo que vamos descobrir”, disse.

Por fim, Hamilton disse que torce para uma sessão classificatória, seja no sábado ou no domingo. É que, caso a tempestade prevista pela meteorologia desabe no circuito austríaco no sábado, a definição do grid de largada vai ser transferida para horas antes da corrida. Mas caso não seja possível, valem os resultados do segundo treino desta sexta-feira.

“Se tivéssemos de largar em sexto, isso seria péssimo, isso se não conseguirmos fazer a classificação. Não é bom largar mais atrás do que na semana passada, então vai ser um desafio. Vou fazer uma ‘dança seca’ para garantir que não chova no domingo”, brincou, fazendo uma alusão à dança da chuva.

Os pilotos voltam à pista na manhã de sábado com o TL3, marcado para 7h (horário de Brasília). A sessão classificatória, que corre risco de não acontecer em razão da previsão de tempestade em Spielberg, está agendada para 10h. O GRANDE PRÊMIO transmite ao vivo e em tempo real todas as atividades do GP da Estíria, segunda etapa do campeonato da Fórmula 1 2020.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube