Hamilton lidera 1-2 da Mercedes no TL1 da Áustria. McLaren e Racing Point vão bem

Lewis Hamilton começou com toda a força sua caminhada rumo ao heptacampeonato. No primeiro treino livre da temporada, o inglês colocou a Mercedes preta na liderança, seguido por Valtteri Bottas. Max Verstappen foi o terceiro, à frente de Carlos Sainz e Sergio Pérez

Acabou a espera! Depois de quase quatro meses desde o cancelamento do GP da Austrália, prova que abriria a temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1, a principal categoria do esporte a motor começou pra valer o campeonato nesta sexta-feira (3), dia do início do fim de semana do GP da Áustria, no Red Bull Ring. E o primeiro treino livre do ano teve a liderança do principal piloto do grid e maior candidato ao título. Lewis Hamilton colocou a belíssima Mercedes preta na ponta da tabela de tempos com 1min04s816, liderando a dobradinha da equipe com Valtteri Bottas na segunda posição, 0s356 atrás.

Max Verstappen, vencedor do GP da Áustria nos dois últimos anos, foi discreto durante a maior parte da sessão, mas conseguiu encaixar uma boa volta no fim para terminar a manhã em terceiro. Destaque mesmo para a McLaren e a Racing Point, que prometem brigar muito pelo título da chamada F1 B. Carlos Sainz foi o quarto colocado, seguido por Sergio Pérez e Lando Norris.

Alexander Albon, com a outra Red Bull, foi o sétimo, à frente de Daniel Ricciardo, que chegou a liderar com a Renault. Kevin Magnussen foi uma grata surpresa ao se colocar em nono com a Haas, enquanto Charles Leclerc, com a discretíssima Ferrari, foi somente o décimo, duas posições à frente de Sebastian Vettel.

O segundo treino livre do GP da Áustria começa logo mais, a partir de 10h (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL.

Lewis Hamilton no TL1 do GP da Áustria
Lewis Hamilton começou na frente sua jornada rumo ao hepta da Fórmula 1 (Foto: Mercedes)

Saiba como foi o primeiro treino livre do GP da Áustria

Definitivamente, a Fórmula 1 está de volta. Tão logo a luz verde autorizou o início do primeiro treino livre da temporada, Carlos Sainz puxou a fila, e vários pilotos deixaram os boxes para as primeiras voltas de instalação com a pista úmida em alguns pontos, mas seca na maioria do traçado austríaco.

Destaque inicial para dois pilotos: Esteban Ocon, que volta ao grid da Fórmula 1 em 2020 com a Renault depois de um ano fora, e Lewis Hamilton, que levou a pista a belíssima Mercedes preta à pista pela primeira vez.

Valtteri Bottas
Valtteri Bottas mostrou a força da Mercedes preta na Áustria (Foto: F1/Twitter)

O primeiro piloto a marcar tempo no fim de semana foi Lando Norris, que marcou 1min10s251. O inglês da McLaren logo teve a companhia de Valtteri Bottas e Carlos Sainz. Coube ao finaldês, minutos depois, colocar a Mercedes, dotada do polêmico DAS, na ponta da tabela com 1min07s518, usando pneus duros. Neste período, com 18 minutos de sessão, o próprio nórdico reportou algumas gotas ao longo do circuito.

E a chuva deu as caras mesmo no Red Bull Ring, o que levou as equipes a recolher novamente os carros para os boxes por algum tempo. Somente Bottas, Norris e Sainz tinham tempos registrados naquele momento. Até que a Ferrari mandou Sebastian Vettel, que nesta sexta-feira completa 33 anos, para a pista com a SF1000 #5 calçada com pneus intermediários.

Também com os intermediários, pilotos como Lance Stroll, Antonio Giovinazzi e Romain Grosjean deixaram os boxes. O franco-suíço já começou mal a temporada por conta de um problema perigoso no pedal de freio do carro da Haas. No pit-lane, a Red Bull liberou a saída do carro de Max Verstappen no momento em que Kevin Magnussen vinha acelerando. O dinamarquês teve de frear forte para evitar uma batida.

Hamilton voltou para a pista, mas usando pneus duros. Não demorou muito, e o hexacampeão, além de confirmar que a pista estava seca, marcou o melhor tempo da sessão até então: 1min06s994, melhorando depois para 1min06s724. Sergio Pérez, com a ‘Mercedes rosa’ da Racing Point, vinha rápido e com o segundo setor roxo, mas o motor começou a soltar fumaça, situação que levou o mexicano a voltar para os boxes.

Max Verstappen
Max Verstappen vem de duas vitórias seguidas no Red Bull Ring (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Stroll mostrou que a Racing Point vem mesmo forte em 2020 e chegou a ocupar a ponta, ainda que com pneus macios. Mas Hamilton deu o troco em seguida ao registrar 1min06s547. Pouco depois, o tempo do canadense foi deletado por ter excedido os limites da pista na curva 9.

O treino seguia agitado no Red Bull Ring. Sainz levou a McLaren, calçada com pneus macios, para a liderança da sessão com 1min06s541, somente 0s006 mais rápido que Hamilton. Novamente, Lewis respondeu com um ótimo stint ao cravar 1min06s205. Vettel também deixava o espanhol para trás para assumir a segunda posição, 0s138 atrás de Lewis.

Após a primeira metade da sessão, Pérez voltou para a pista e logo subiu para terceiro, mas com pneus macios. O mexicano virou 0s147 mais lento que a então melhor marca de Hamilton.

Stroll voltou para a liderança, novamente com os pneus macios, ao marcar 1min06s190. Só que a ponta do piloto da Racing Point não durou muito, e Daniel Ricciardo colocou a Renault na frente com 1min06s075 usando pneus médios. Na sequência, Sainz virou somente 0s003 mais lento que o canadense para assumir a segunda posição provisória. Até que Pérez colocou novamente a Racing Point na liderança, também com os pneus macios: 1min06s052 para o mexicano.

Sergio Pérez
Sergio Pérez mostrou que a Racing Point vai mesmo dar trabalho em 2020 (Foto: Racing Point)

O que era liderança virou dobradinha. Stroll subiu para segundo lugar e formou 1-2 com Pérez na frente. O mexicano foi o primeiro a andar abaixo de 1min06s ao registrar 1min05s889. ‘Checo’ chegou a melhorar um pouco mais sua marca, mas Bottas, com o auxílio do DAS, anotou 1min05s486, voltando à liderança da sessão, também com os pneus macios.

Hamilton brilhou novamente e foi o primeiro piloto na pista a andar na casa de 1min04s. O hexacampeão abriu 0s204 para Bottas e virou 1min04s968 para liderar novamente o treino, deixando o finlandês em segundo e Pérez em terceiro, com o piloto de Guadalajara a 0s544 da Mercedes preta.

Pérez, no entanto, acabou sendo superado pela McLaren de Sainz. A escuderia de Woking aparecia bem, com Lando Norris em quinto, deixando Stroll em sexto. Ricciardo vinha em sétimo, e só depois é que surgiram os carros da Ferrari na tabela de tempos, com Leclerc em oitavo e Vettel em nono, e Alex Albon, com a Red Bull, fechava o top-10.

Já na reta final do treino, Hamilton melhorou ainda mais seu tempo com 1min04s816. E Verstappen, que abria volta rápida com pneus macios, rodou na primeira curva e perdeu a tentativa. No segundo giro, contudo, o holandês não errou e subiu para a terceira posição, 0s602 atrás de Lewis.

Quem levou um grande susto foi George Russell, que perdeu a chance de marcar um bom tempo depois de ver Daniil Kvyat rodar bem à sua frente com o carro da AlphaTauri na curva final do Red Bull Ring.

No minuto final, a Haas conseguiu mandar Grosjean de volta para a pista, somente para checar se o pedal de freio estava realmente em ordem. Tudo certo para o franco-suíço, tudo melhor ainda para Hamilton, que começou na frente o primeiro fim de semana da temporada 2020 da Fórmula 1.

Fórmula 1 2020, GP da Áustria, Red Bull Ring, treino livre 1:

1L HAMILTONMercedes1:04.816 42
2V BOTTASMercedes1:05.172+0.35638
3M VERSTAPPENRed Bull Honda1:05.418+0.60237
4C SAINZ JRMcLaren Renault1:05.431+0.61541
5S PÉREZRacing Point Mercedes1:05.512+0.69633
6L NORRISMcLaren Renault1:05.621+0.80541
7A ALBONRed Bull Honda1:05.701+0.88529
8D RICCIARDORenault1:05.860+1.04429
9K MAGNUSSENHaas Ferrari1:05.907+1.09127
10C LECLERCFerrari1:05.924+1.10831
11L STROLLRacing Point Mercedes1:06.074+1.25834
12S VETTELFerrari1:06.077+1.26132
13E OCONRenault1:06.270+1.45422
14A GIOVINAZZIAlfa Romeo Ferrari1:06.360+1.54424
15K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari1:06.365+1.54928
16P GASLYAlphaTauri Honda1:06.404+1.58825
17G RUSSELLWilliams Mercedes1:06.495+1.67927
18N LATIFIWilliams Mercedes1:06.906+2.09031
19D KVYATAlphaTauri Honda1:06.943+2.12719
20R GROSJEANHaas Ferrari1:46.361+41.5456
  Tempo 107%1:09.353+4.537 
      
RECC LECLERCFerrari1:03.00329/06/2019 
MVK RÄIKKÖNENFerrari1:06.95701/07/2018 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube