Hamilton testa positivo para Covid-19 e fica fora do GP de Sakhir de Fórmula 1

Lewis Hamilton será o terceiro piloto da temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1 a perder ao menos uma etapa do campeonato por ter sido infectado pelo novo coronavírus. A Mercedes ainda não anunciou seu substituto

Leia também
OPINIÃO GP: F1 e Grosjean têm muito a agradecer: a Bianchi e à existência do halo
Grosjean bate em acidente gravíssimo, renasce das chamas e sai de ambulância no Bahrein
Grato por saúde de Grosjean, Hamilton lembra que riscos da F1 “não são brincadeira”

Lewis Hamilton testou positivo para o novo coronavírus e está fora do GP de Sakhir, prova que acontece neste fim de semana no anel externo do circuito barenita. A informação foi confirmada na manhã desta terça-feira (1) pela Mercedes, que ainda não anunciou o substituto para o heptacampeão nesta prova. É a primeira vez em 14 anos correndo na Fórmula 1 que o maior vencedor e maior campeão da história vai ficar fora de uma etapa do campeonato.

“A FIA, a Fórmula 1 e a Mercedes podem confirmar hoje que, durante o teste de PCR obrigatório pré-corrida para o GP de Sakhir, Lewis Hamilton testou positivo para Covid-19. De acordo com os protocolos Covid-19 e as diretrizes das autoridades de saúde pública no Bahrein, ele agora está em isolamento”, diz o comunicado feito em conjunto nesta manhã.

É a primeira vez que Lewis Hamilton vai ficar fora de uma etapa da Fórmula 1 desde que o piloto fez sua estreia na categoria (Foto: AFP)

“Os procedimentos estabelecidos pela FIA e pela Fórmula 1 vão assegurar que não aconteça um maior impacto na etapa deste fim de semana”, diz a categoria em nota.

De acordo com a equipe heptacampeã do mundo, “Lewis passou por três testes na semana passada e obteve resultados negativos em todos os três, o último foi no domingo à tarde no Circuito Internacional do Bahrein, como parte do programa de testes regulares nos finais de semana de corrida”. Portanto, Hamilton disputou a prova do último domingo, o GP do Bahrein, em que venceu, negativo para Covid-19.

“De qualquer forma, ele acordou na segunda-feira pela manhã com sintomas leves e, ao mesmo tempo, foi informado de que uma pessoa próxima antes da sua chegada ao Bahrein tinha testado positivo. Lewis fez outro teste e deu positivo. Seu resultado positivo foi reconfirmado com um novo teste”, confirmou a Mercedes.

“Exceto pelos sintomas leves, ele está bem e em boa forma. Toda a equipe envia a você os melhores votos de uma rápida recuperação. Vamos anunciar nosso piloto substituto no devido tempo”, complementou a equipe.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Hamilton é o terceiro piloto que vai perder uma etapa da temporada 2020 da Fórmula 1 por conta do Covid-19. Sergio Pérez, da Racing Point, ficou ausente dos GPs da Inglaterra e dos 70 Anos da F1, os dois disputados em Silverstone, e foi substituído por Nico Hülkenberg. Lance Stroll, também da Racing Point, perdeu o GP de Eifel, em Nürburgring, por ter sido infectado pelo novo coronavírus. A equipe de Silverstone também recorreu ao alemão para substituir o canadense.

Os pilotos reservas oficiais da Mercedes são Stoffel Vandoorne, que faz nesta terça-feira seu último dia de pré-temporada com a equipe anglo-alemã na Fórmula E, em Valência, e Esteban Gutiérrez.

Fica a dúvida se Hamilton poderá voltar a correr nesta temporada, uma vez que o GP de Abu Dhabi, prova que encerra a atípica temporada 2020 da Fórmula 1 marcada pela pandemia, será disputado em 13 de dezembro. Segundo o protocolo estabelecido pela F1 e pela FIA, Lewis precisa de um teste negativo para poder entrar ao paddock e ficar liberado para correr.

O GP de Sakhir deste domingo vai marcar a estreia de Pietro Fittipaldi na Fórmula 1. O piloto de 24 anos vai voltar a colocar o Brasil no grid do Mundial depois de pouco mais de três anos. Pietro foi confirmado na segunda-feira pela Haas como substituto de Romain Grosjean, que se recupera do gravíssimo acidente sofrido no GP do Bahrein e deve ter alta médica nesta terça-feira.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar