Ímola tem domingo de céu nublado e pouca chance de chuva para GP da Emília-Romanha

Embora muitos pilotos ao longo do último sábado tenham citado a chance de chuva para a corrida deste domingo, a meteorologia aponta uma possibilidade muito reduzida, de apenas 8%, durante o horário da largada em Ímola. O frio é que segue dando o tom, como em todo o fim de semana

Assista aos melhores momentos da classificação do GP da Emília-Romanha (Crédito: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Teve muito piloto que apostou na chuva para obter um bom resultado no GP da Emília-Romanha, segunda etapa da temporada 2021 da Fórmula 1. Mas o que a meteorologia prevê para domingo (18), no horário da largada em Ímola, às 15h locais, é céu nublado, mas um percentual muito reduzido de possibilidade de chuva. O frio segue dando o tom na região de Bolonha, como aconteceu em todo o fim de semana, mas são remotas as chances de a corrida ser realizada, em algum momento, com a pista molhada.

O Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, amanheceu nublado, mas com o sol dando as caras aqui e ali. No momento da publicação desta nota, às 12h, a temperatura ambiente está na casa de 13ºC, com sensação térmica de 12ºC.

Previsão indica corrida com céu nublado, mas sem chuva para logo mais em Ímola (Foto: Aston Martin)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
WEB-STORIRES: o grid de largada do GP da Emília-Romanha!

O cenário climático vai se manter para o horário da largada e até o fim da prova: temperatura ambiente de 13ºC e sensação térmica de 12ºC. A velocidade dos ventos ao longo da disputa vai ser um tanto elevada: 17 km/h, soprando na direção Nordeste. Já a umidade relativa do ar vai ficar em torno de 51%.

Já o percentual de chance de chuva para o horário da corrida é de apenas 8%, aponta o site especializado Weather Channel. Para a hora seguinte do GP da Emília-Romanha, o percentual cai ainda mais, para 1%.

O fator climático foi um grande aliado de Lewis Hamilton no fim de semana. Diferente do que aconteceu no Bahrein, onde os termômetros chegaram muito perto dos 40ºC, em Ímola a Mercedes mostrou maior adaptação a um clima mais frio. O pole-position do GP da Emília-Romanha atribuiu boa parte da melhora do desempenho do W12 em relação à Red Bull justamente às temperaturas mais baixas na Itália.

“No Bahrein, obviamente, a temperatura é muito diferente, a superfície da pista é muito diferente, então lá sempre lutamos com o superaquecimento e muitas rajadas. Não temos isso aqui, é muito mais fresco, por isso raramente ultrapassávamos a temperatura dos pneus. Então isso meio que nos deixou mais próximos, eu acho, da Red Bull”, disse.

A largada do GP da Emília-Romanha de Fórmula 1 está marcada para 10h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Uma hora antes, a edição pré-corrida do BRIEFING aborda, também AO VIVO, tudo sobre a corrida e traz as últimas informações, direto de Ímola. O programa, que vai ao ar na GP TV, o canal do GRANDE PRÊMIO no YouTube, tem a apresentação de Victor Martins e comentários de Pedro Henrique Marum e Fernando Silva.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube