Jos Verstappen vê F1 2024 “mais desafiadora” e elogia Max: “Deveria ser valorizado”

De acordo com o pai de Max Verstappen, está cada vez mais difícil para o tricampeão "fazer a diferença" para a Red Bull na disputa contra Ferrari e McLaren na temporada 2024 da Fórmula 1

Com as aproximações de Ferrari e McLaren na disputa da temporada 2024 da Fórmula 1, a vida fácil da Red Bull parece ter ficado para trás, em 2023, quando a equipe taurina venceu nada menos que 21 das 22 etapas que foram realizadas. Por sua vez, Jos Verstappen admitiu que o campeonato atual está “mais desafiador” e que, por isso, será mais difícil para Max Verstappen, seu filho, “fazer a diferença” na briga contras as rivais.

Após oito etapas, o time de Milton Keynes venceu cinco — todas com o neerlandês —, mas ainda que os números sejam favoráveis, já que permanece liderando o Mundial de Pilotos e Construtores, o desempenho em pista ligou o sinal de alerta, principalmente nas últimas três provas. Em Miami, o triunfo ficou para Lando Norris, enquanto que no fim de semana mais recente, em Mônaco, foi Charles Leclerc quem subiu no degrau mais alto do pódio.

Na última segunda-feira (27), em entrevista ao jornal De Telegraaf, Jos Verstappen declarou que a era de domínio da Red Bull “parece estar próxima do fim”, e ainda aproveitou a oportunidade para alfinetar a crise interna pela qual a equipe está passando. Agora, nesta quarta-feira, o pai de Max voltou a analisar a atual situação dos taurinos no certame, deixando claro que o filho terá muito trabalho pela frente.

“Podemos ver que este ano está mais desafiador fazer a diferença com as rivais se aproximando”, disse o ex-piloto ao site Verstappen.com. “Todo fim de semana é preciso ter um desempenho próximo de 100%. Tudo tem de estar funcionando bem, desde a boa forma física até o trabalho realizado com seu engenheiro. São detalhes”, continuou.

Max Verstappen foi apenas o sexto colocado em Mônaco (Foto: Red Bull Content Pool)

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Na competição passada, Verstappen quebrou recordes que antes eram considerados inimagináveis na história do esporte. O colega de Sergio Pérez foi o piloto que mais conquistou vitórias (19), pontos (575) e o que mais liderou voltas (1.003) em uma única temporada, além das dez vitórias consecutivas entre os GPs de Miami e da Itália.

“Acho que nem todo mundo percebe o quanto Max precisa fazer para ter um desempenho assim. Não é algo que simplesmente acontece”, acrescentou Jos. “As adversárias não se acertaram da maneira que queriam e apreciam o que Max conquistou. O que ele realizou em 2023 é algo único e deveria ser valorizado”, destacou.

Há 15 dias, apesar do desempenho ruim do RB20 no GP da Emília-Romanha, Verstappen conseguiu segurar a pressão de Norris e recebeu a bandeirada final na primeira posição, mostrando todo o talento para extrair do carro aquilo que o mesmo não tinha para entregar. Mas será que o #1 pode melhorar ainda mais? Bem, o próprio pai não tem a resposta.

Jos acredita que Max deveria ser “mais valorizado” pelos feitos na F1 (Foto: Red Bull Content Pool)

“Essa é uma pergunta difícil de responder. É possível melhorar mais conforme cresce a experiência, mas ele pode se tornar muito melhor do que agora? Não sei”, respondeu Jos.

“Acho que Max estava pronto para ser campeão mundial aos 21 anos. O que vejo nele agora, já vi na época do kart. Mas fora da pista, vejo um cara muito relaxado, quase parecendo que não se importa. Quando Max ainda estava no kart, ficava preocupado com isso, mas essa é apenas a maneira dele de se preparar. Ele não quer se ocupar com muitas coisas”, finalizou.

Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.