Kvyat diz que fazia “treino sólido” até problema com carro: “Desligou sozinho”

O fim do dia da Fórmula 1 nesta sexta-feira (15) em Interlagos aconteceu após Daniil Kvyat rodar e bater na junção após rodar. Segundo ele, um problema com o carro

O primeiro dia de atividades de Daniil Kvyat no GP do Brasil de Fórmula 1, nesta sexta-feira (15), terminou com o russo rodando no contorno da Junção e batendo com a parte traseira do carro no muro já no final do segundo treino livre. Após a sessão, em Interlagos, falou que o dia estava sendo bom para a Toro Rosso até o momento do incidente e culpou um problema alheio à pilotagem. 
 
Em entrevista na qual o GRANDE PRÊMIO estava presente, argumentou que estava cumprindo a expectativa que tinha para o segundo treino livre até que a pane fez o carro #26 desligar. 
 
"Fizemos um bom trabalho. O objetivo para hoje era dar o máximo de voltas que a gente conseguisse e conseguimos isso. No fim, tivemos alguma coisa que fez o carro se desligar sozinho. Precisamos descobrir qual foi o problema, mas acredito que até aquele momento nós estávamos num treino sólido", disse.
Daniil Kvyat (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
"Estava fazendo a volta quando a traseira do carro travou e tudo desligou, então rodei com o carro e fique sem o controle. Espero que não seja nada demais, mas acho que o carro vai ficar bem. A equipe está avaliando o dano no carro, mas não creio [que vai dificultar o resto do fim de semana]. A não ser, claro, que tenha algo muito difícil de ajustar", seguiu.
 
Após o TL1 chuvoso e com pista molhada, crê que andou menos que o suficiente durante o dia mesmo que tenha dado 34 voltas no TL2. 
 
"Não testamos muita coisa pela manhã, porque a expectativa é que a pista esteja totalmente seca amanhã e domingo; à tarde, foi bem bom guiar o carro, mas não demos tantas voltas assim para saber com certeza o que fazer amanhã", finalizou. 

GRANDE PRÊMIO cobre in loco o GP do Brasil com os jornalistas Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Flavio Gomes, Gabriel Carvalho, Gabriel Curty e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe todo o noticiário aqui e tudo dos bastidores e das atividades em pista AO VIVO e em TEMPO REAL.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube