F1

Leclerc pede consistência da FIA e fala em ser tão agressivo quanto Verstappen

Charles Leclerc se mostrou ainda crítico com relação a decisão tomada pelos comissários da FIA na Áustria, quando não puniram Max Verstappen. O monegasco pediu consistência e disse estar pronto para disputar posição com a mesma agressividade mostrada pelo piloto da Red Bull

GRANDE PRÊMIO / Redação GP, de Curitiba
Charles Leclerc ainda não digeriu a derrota sofrida para Max Verstappen no GP da Áustria, corrida realizada há pouco menos de duas semanas. No Red Bull Ring, o monegasco da Ferrari esteve muito perto de vencer, mas, com três voltas para o fim da prova, o holandês, vindo de uma de recuperação, chegou e não deu chances ao líder. Os dois protagonizaram uma dura disputa, com direito a toque e escapada de pista, mas Verstappen levou a melhor. O lance ainda foi parar na mesa dos comissários, mas nenhuma ação contra Max foi tomada, que ficou com a vitória. Por isso, o jovem ferrarista disse que está pronto para assumir uma postura igualmente agressiva, já que é "parece ser mais aceitável na F1".
 
Leclerc ainda reiterou a insatisfação com o incidente e disse que a decisão tomada pelos comissários, especialmente levando em conta outros episódios semelhantes, foi errada. "A única coisa que eu gostaria é de ver um pouco mais de consistência", afirmou o piloto em Silverstone, onde a Fórmula 1 está para a décima etapa da temporada 2019.
Charles Leclerc se diz feliz em ser tão agressivo quanto Verstappen (Foto: Scuderia Ferrari Press Office)
"Houve alguns outros incidentes no passado, que foram até menores e houve punição. Se podemos correr assim, então estou mais do que feliz em fazer isso. Acho que é bom para a F1, acho que é isso que os pilotos querem, mas só precisamos saber o que esperar dos outros", completou.
 
O #16, então, admitiu que ficou feliz que com a decisão da FIA de não punir Verstappen, mas ressaltou que os comissários devem se manter consistentes. "Obviamente, é melhor que seja apenas oficial, para que todos saibam. E agora acho que podemos dizer que é possível ir um pouco mais longe em termos de agressividade", concluiu.

O segundo treino livre do GP da Inglaterra acontece logo mais, a partir das 10h (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.


 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.