Leclerc promete receber Hamilton “muito bem” em caso de mudança para Ferrari

Como será a vida na Ferrari no caso da chegada de Lewis Hamilton em 2021? Ao menos segundo Charles Leclerc, o hoje hexacampeão mundial vai ser muito bem recebido em Maranello

Qual o futuro de Lewis Hamilton? O hexacampeão mundial já deu demonstrações de que vai permanecer na Fórmula 1 além de 2021, mas o contrato dele com a Mercedes termina no ano que vem. A notícia de que Hamilton se encontrou por duas vezes com o presidente da Ferrari levantou uma nova onda de especulações. De acordo com Charles Leclerc, Lewis será muito bem recebido. 
 
Leclerc encerrou o segundo ano dele de F1 – primeiro na Ferrari – com o GP de Abu Dhabi e, apesar de terminar sem o terceiro lugar que disputava, ainda superou o companheiro e quatro vezes campeão mundial Sebastian Vettel. Segundo ele, o objetivo na F1 é vencer os melhores.
 
"Claro que eu receberia Lewis muito bem. Estamos na F1, quero lutar contra os melhores. Tive a oportunidade de contar com Seb, um tetracampeão, ao meu lado e aprendi muito com ele. Sempre é possível aprender com esse tipo de campeões", afirmou.
Charles Leclerc e Lewis Hamilton (Foto: AFP)
A notícia que saiu no fim de semana foi que Hamilton se encontrou com John Elkann, presidente do Grupo Fiat Chrysler e da Ferrari, por duas vezes – notícia dada pelo jornal italiano 'Gazzetta dello Sport'. Mattia Binotto, chefe ferrarista, afirmou que "fica feliz" em saber que Hamilton estará no mercado.
 
Toto Wolff, chefe e diretor-executivo da Mercedes, também tocou no assunto e falou que a fábrica alemã vai começar a conversar com o campeão em janeiro e apontou uma chance de 25% de Hamilton deixar a Mercedes em 2021

 

Paddockast # 44
RETROSPECTIVA 2019: MUITO QUE BEM, MUITO QUE MAL

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube