Verstappen defende Norris e pede que F1 reveja sistema de pontos na carteira

Lando Norris soma agora 10 pontos de punição, sendo que 12 acionam uma suspensão automática. Max Verstappen concorda com o britânico que o sistema está errado e precisa ser revisto

Verstappen aplica novo domínio e vence: os melhores momentos do GP da Áustria (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Lando Norris não está sozinho ao criticar o sistema de punições da Fórmula 1. O britânico, flertando com a possibilidade de ser suspenso por causar muitos incidentes e acumular pontos na carteira, ganhou o apoio de Max Verstappen. De acordo com o holandês, já é hora de a direção de prova repensar sua postura.

O argumento de Verstappen é que é exagerado dar 2 pontos de punição a Norris por espremer Sergio Pérez em disputa por posição. O britânico agora acumula 10, e será suspenso automaticamente por um GP se chegar a 12.

“Eles te deram quantos pontos, dois?”, perguntou Verstappen a Norris durante entrevista coletiva. “Isso quer dizer que com seis incidentes como o de hoje… não acho que seis incidentes assim valem uma suspensão. Não é o certo. Já estive numa situação assim, já estive com nove ou dez pontos e sei como as coisas são. Não acho que uma suspensão vai ser justa se você [Norris] chegar a 12 pontos. Precisamos rever isso”, destacou.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Max Verstappen apoiou Lando Norris (Foto: Red Bull Content Pool)

O alívio de Norris é que, na altura do GP da Inglaterra de 18 de julho, 2 pontos já terão caducado. Afinal, eles vencem ao fim de um período de 12 meses. Isso deixa o britânico novamente com 8 para a sequência do campeonato, mas ainda não plenamente satisfeito.

“Nada do que eu fiz foi perigoso”, afirmou Norris. “Talvez você mereça algumas punições em caso de se comportar mal em disputa por posição, caso você erre. Só que algumas coisas são simplesmente perigosas. Se você ultrapassar durante bandeiras amarelas, se você colocar pessoas em perigo, aí eu entendo dar pontos para um piloto. Se for o caso, dar uma suspensão. Só que, em coisas assim [briga por posição], é estúpido. Não é o que a Fórmula 1 deveria ser”, seguiu.

Curiosamente, 8 pontos dos 10 pontos de Norris são por desrespeitar bandeiras, sejam elas amarelas ou vermelhas. Foi só no GP da Áustria que, ao se enroscar com Pérez, o piloto da McLaren recebeu pontuação por incidente em briga por posição.

Mesmo frustrado com punições, Norris foi o terceiro colocado no GP da Inglaterra. A corrida teve vitória de Max Verstappen, além de Valtteri Bottas em segundo.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar