Mercedes assume culpa por estratégia que causou derrota de Hamilton na França

A Mercedes reconheceu que não adotou a melhor estratégia para ajudar Lewis Hamilton na luta pela vitória contra Max Verstappen na França: “Essa é por nossa conta”, disse estrategista

A Mercedes não esperou nem o GP da França deste domingo (20) acabar pra valer para se desculpar com Lewis Hamilton pelo segundo lugar. O inglês viu Max Verstappen vencer a corrida com uma estratégia de dois pit-stops, contra uma do britânico, e tinha os pneus médios em melhores condições na comparação com os compostos duros que calçavam o carro #44 para lutar nas voltas finais, fez a ultrapassagem sobre o heptacampeão no penúltimo giro e conquistou um triunfo importante em Paul Ricard

Hamilton havia acabado de cruzar a linha de chegada em Paul Ricard quando uma mensagem via rádio do diretor de estratégia, James Vowles, apareceu na transmissão oficial. 

“Hamilton, essa é por nossa conta”, disse Vowles, em referência clara à estratégia de pitstops.

O holandês, que havia perdido a primeira posição logo na segunda curva após erro, fez a primeira parada na volta 18, enquanto Hamilton parou para trocar pneus um giro depois. Os dois seguiram com pneus duros, mas o ritmo era forte o bastante, e a Red Bull chamou Max para uma segunda parada. A estratégia deu certo e serviu como um grande xeque-mate em cima da Mercedes: Lewis não teve como se defender do melhor ritmo de Verstappen, que saiu de Paul Ricard com a vitória.

Hamilton, Verstappen, largada, GP da França 2021,
Hamilton pareceu que teria uma corrida tranquila ao ganhar primeira posição depois da largada (Foto: Reprodução/Twitter/@formula1)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

A derrota da Mercedes na França serve, também, como espécie de vingança para a Red Bull, que ainda tem na retina o GP da Espanha. Naquela ocasião, Vowles bancou a decisão de duas paradas para Hamilton e fez com que a Mercedes driblasse a Red Bull para garantir o undercut vencedor do heptacampeão.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, não investiu em busca por culpados pela derrota na França e assumiu a responsabilidade para o time como um todo. Para o dirigente austríaco, a corrida apresentou muitas alternativas, e não era possível prever o que cada um fosse fazer. A ultrapassagem derradeira de Verstappen em Hamilton aconteceu na penúltima volta.

“A corrida foi para a frente e para trás hoje. Nosso ritmo era bom, mas tínhamos 3s de diferença para o undercut. Não foi o suficiente para proteger Hamilton”, disse Toto.

Ponto extra de Verstappen

O chefe da Mercedes também teve de dar explicações sobre o ponto extra conseguido por Vertappen, em razão da volta mais rápida. A impressão era que se Valtteri Bottas fosse chamado para os boxes, poderia garantir a bonificação e assim pelo menos ajudar Hamilton. Para Toto, a ameaça de punição pela briga entre Bottas e Pérez impediu qualquer estratégia.

“Com relação ao Bottas, apostamos e perdemos. Estávamos entre receber um punição por ir para fora dos limites de pista ou tentar conseguir a volta mais rápida”, assumiu.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar