Presidente da FIA exalta “batalha real” entre Vettel e Hamilton e opina: “A F1 precisa de ação e emoção”

Ex-chefe da Ferrari e hoje presidente da FIA, Jean Todt vê com bons olhos a rivalidade entre Sebastian Vettel e Lewis Hamilton e entende que a batalha entre os dois só vai fazer bem à própria F1. O francês acredita que Vettel pode novamente levar a Ferrari às vitórias e compara: “Ele lembra um pouco Michael Schumacher pelo profissionalismo e porque não gostava de perder”

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Jean Todt compartilha da opinião de que a F1 só tem a ganhar com o aumento da rivalidade entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel. Os dois grandes protagonistas da temporada 2017 do Mundial tiveram o primeiro conflito público real no último domingo (25), durante o GP do Azerbaijão, quando ambos tiveram uma ‘briga de trânsito’, o que eclodiu a polêmica em Baku. O presidente da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) enxerga que o cenário deste ano é muito mais saudável ao esporte porque confronta as duas principais marcas do grid e também os dois pilotos mais laureados da década.

 
“Estou muito feliz pela temporada. Está incrível”, avaliou o dirigente francês em entrevista concedida ao jornal alemão ‘Bild’. Todt apenas lamentou que outras equipes não sejam capazes de lutar por vitórias em condições normais. Jean foi o comandante da Ferrari nos anos de ouro da equipe na F1 no começo da década de 2000, quando Michael Schumacher dominou a categoria e enfileirou nada menos que cinco títulos consecutivos do Mundial de Pilotos.
Todt está gostando da rivalidade entre Hamilton e Vettel na F1 (Foto: Mercedes)
“Depois de tudo, é incrível que não saibamos que vai vencer a corrida seguinte. Lembro um pouco do meu tempo com Michael Schumacher na Ferrari”, comentou.
 
Sobre os dois grandes rivais da F1 em 2017, Todt deu as boas-vindas a uma rivalidade que, na sua visão, só pode fazer bem ao próprio esporte. 
 
“As pessoas sempre reclamam de mim que nós sabíamos quem iria vencer antes da corrida. Com Lewis Hamilton e Sebastian Vette, ao menos agora nós temos uma batalha real entre dois homens. A F1 precisa de ação e emoção, e os dois estão colocando isso neste momento”, disse o presidente da FIA.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Saudoso pelos tempos em que passou como chefe da Ferrari em Maranello, Todt acredita que Vettel pode seguir os passos de Schumacher e levar a escuderia italiana de volta ao Olimpo da F1. Até porque, na visão do francês, os dois têm características semelhantes.

 
“A Ferrari fez um trabalho incrível e acho que eles podem ser competitivos durante o ano todo. O foco de Vettel me lembra um pouco o de Michael: o profissionalismo, a capacidade de unir toda a equipe e, como Vettel, Michael não gostava de perder”, finalizou.
POLÊMICA MOSTRA QUE VETTEL PISOU NA BOLA E HAMILTON FOI MALANDRO EM BAKU

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube