Vettel reconhece que progresso na Aston Martin é “mais lento do que gostaria”

Sebastian Vettel ainda não se sente completamente confortável na pilotagem do carro da Aston Martin. Em três GPs disputados nesta temporada, o tetracampeão ainda não pontuou

Lewis Hamilton conquistou a vitória 97 na F1: assista aos melhores momentos do GP de Portugal de F1 (Foto: GRANDE PREMIO com Reuters)

Sebastian Vettel tem admitido de forma constante nas últimas semanas que ainda não se sente completamente adaptado e confortável na pilotagem do carro da Aston Martin. O tetracampeão mundial de Fórmula 1 já disputou três GPs pela sua nova equipe nesta temporada 2021, mas ainda não somou pontos. No fim de semana do GP de Portugal, o alemão de 33 anos teve até um alento e voltou ao Q3, algo que não acontecia desde o GP da Inglaterra do ano passado. Entretanto, ao longo da corrida, Seb sofreu com o ritmo de corrida e terminou só em 13º.

Em entrevista veiculada pelo site britânico RaceFans, Vettel afirmou, pouco depois da corrida no Autódromo Internacional do Algarve, que sente que está “progredindo pouco a pouco” na Aston Martin. Entretanto, o piloto fez uma ressalva importante.

“É um pouco mais lento do que eu gostaria, mas aqui estamos. Estamos trabalhando muito e, tenho certeza de que, eventualmente, isso vai acontecer”, garantiu.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

SEBASTIAN VETTEL; ASTON MARTIN; GP DE PORTUGAL;
Sebastian Vettel terminou o GP de Portugal em 13º lugar (Foto: Aston Martin)

Vettel cruzou a linha de chegada em Portimão logo à frente do seu companheiro de equipe, Lance Stroll, que largou em 17º, sete posições atrás. O canadense foi o escolhido para usar, no fim de semana em Portugal, as atualizações desenvolvidas nas últimas semanas pela Aston Martin.

Como não houve tempo para disponibilizar as peças para os dois pilotos, Stroll teve a prioridade, mas Vettel vai contar com as novas atualizações no GP da Espanha, que acontece já neste próximo fim de semana.

Sem saber o que esperar das novas peças em termos de performance, Vettel só torce para um GP da Espanha mais positivo.

“Não sei [sobre as atualizações], mas espero que seja um fim de semana melhor. Neste fim de semana também sofremos um pouco com o acerto. Portanto, espero um próximo fim de semana mais tranquilo e um ritmo melhor, especialmente no domingo à tarde”, ressaltou.

No domingo passado, Vettel lastimou a falta de ritmo da Aston Martin e saiu decepcionado. “Não tivemos ritmo e consistência suficientes para segurar o pelotão na luta pelos pontos. Estamos entendendo o carro cada vez melhor, mas, obviamente, está nos faltando um pouco de velocidade, então precisamos seguir trabalhando em cima disso”, concluiu o tetracampeão.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube