Speed Trap: velocidades máximas do treino de classificação do GP da Áustria 2020

Mercedes na frente, Ferrari com duas das três últimas posições: a tabela do Speed Trap reflete o que se viu na pista durante o sábado

A primeira sessão de speed trap da temporada, anotado neste sábado (4), na Áustria, durante o treino de classificação da Fórmula 1, confirmou algumas das tendências que se viu no resultado final. A Mercedes sobra, enquanto os motores da Ferrari estão bastante comprometidos.

Apesar de segundo colocado na pista, Lewis Hamilton alcançou 322.5 km/h e conquistou a maior velocidade do dia. O pole-position Valtteri Bottas ficou em segundo, com 321.6 km/h, ao passo que Sergio Pérez colocou na terceira posição.

Antonio Giovinazzi, eliminado no Q1 e de motor italiano, ficou em 320.4 km/h e o quarto posto. O motor ferrarista ronca menos na equipe principal. Lando Norris, Kimi Räikkönen, Lance Stroll, Alexander Albon e Daniel Ricciardo fecharam o top-10.

A sequência ficou com George Russell, Romain Grosjean, Carlos Sainz, Daniil Kvyat, Pierre Gasly, Max Verstappen, Esteban Ocon e Kevin Magnussen entre as posições 11 e 17.

Aí, então, a Ferrari: Sebastian Vettel fez somente 313.2 km/h e foi o 18º. Nicholas Latifi foi 19º, enquanto ninguém teve uma velocidade máxima tão baixa quanto Charles Leclerc: 312.4 km/h.

O GRANDE PRÊMIO transmite em tempo real todas as atividades do fim de semana do GP da Áustria de F1.

Fórmula 1 2020, GP da Áustria, Red Bull Ring, Treino de classificação, Speed Trap:

1L HAMILTON322.5
2V BOTTAS321.6
3S PÉREZ321.2
4A GIOVINAZZI320.4
5L NORRIS320.1
6K RÄIKKÖNEN320
7L STROLL319.7
8A ALBON319.1
9D RICCIARDO319
10G RUSSELL318.3
11R GROSJEAN318.3
12C SAINZ JR318
13D KVYAT317.7
14P GASLY316.8
15M VERSTAPPEN316.8
16E OCON315.3
17K MAGNUSSEN314.8
18S VETTEL313.2
19N LATIFI313
20C LECLERC312.4

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube