Tetracampeões da F1, Hamilton e Vettel alinham discurso e evitam foco na marca de cinco títulos de Fangio

Na primeira entrevista coletiva oficial da temporada 2018 da F1, os rivais Lewis Hamilton e Sebastian Vettel falaram sobre a possibilidade de conquistar o quinto título mundial. Mas os dois concordaram que o foco não está em quebrar recordes e alcançar a lendária marca do pentacampeão Juan Manuel Fangio

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Lado a lado, os rivais e tetracampeões Lewis Hamilton e Sebastian Vettel abriram, ao lado de Daniel Ricciardo, a primeira entrevista coletiva oficial da F1 na temporada 2018, em Melbourne, nesta quinta-feira (22). Os tetracampeões foram confrontados sobre a possibilidade de um deles alcançar o penta neste ano e, consequentemente, a lendária marca conquistada pelo mítico Juan Manuel Fangio nos anos 1950. Mas nenhum dos dois pilotos se mostrou focado em empatar com o argentino, que só está atrás do heptacampeão Michael Schumacher em número de títulos. 

 
Hamilton foi o primeiro a ser questionado sobre o assunto. Perguntado se pensa em alcançar o recorde de Fangio, Lewis foi claro. “Honestamente, não. É uma temporada muito, muito longa, para pensar sobre esse tipo de coisa, não penso no que poderia ser, no sentido de me igualar a outros”, comentou o piloto da Mercedes.

No ano passado, em Abu Dhabi, os dois tetracampeões mostraram enorme respeito e reverência pelo argentino pentacampeão do mundo, chamado de "avô do esporte" e "ícone do automobilismo".

Hamilton e Vettel buscam superar um ao outro, mas negam foco em igualar a marca de Fangio (Foto: Reprodução)
“Para mim, na minha mente, a única coisa que tento é superar barreiras, ir além dos limites, provar meu talento. É isso que estou descobrindo”, comentou o atual campeão do mundo.
 
Fangio conseguiu o feito de ser campeão tanto pela Mercedes como também pela Ferrari, equipe pela qual Vettel tenta levar de volta ao topo neste ano. Mas a marca de Juan Manuel é algo secundária neste momento para o alemão.
 
“Não estou pensando nesse tipo de recorde. Não sei o que vai acontecer, e se vai acontecer, mas obviamente seria muito importante, e só nesse momento [da conquista do título] que me daria conta disso”, salientou o ferrarista de 30 anos.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Tenho o suficiente para lidar e não sei o que poderia ser do futuro. Há muitas coisas para trabalhar, e conquistar um título é muito difícil”, ressaltou Seb, dono de 47 vitórias em 198 GPs disputados. Vettel ressaltou que a época dourada vivida por Fangio, dono de 24 vitórias e, ainda hoje, um dos maiores vencedores da história, é bem distinta.

 
“Agora mesmo é uma época muito diferente de quando Fangio foi campeão, cada época tem seus desafios, obviamente diferentes daqueles do passado. De modo que isso não está mesmo na minha mente”, concluiu.
”RECOMEÇA A BRIGA”

MERCEDES COMEÇA TEMPORADA AINDA À FRENTE DA FERRARI

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube