Bottas aponta traseira escorregadia e diz que Mercedes tem que “acalmar o carro”

Mesmo com liderança, Valtteri Bottas avaliou a maior necessidade do W12 até agora: ser acalmado para o começo da temporada

Lewis Hamilton escapou na curva 13 e causou bandeira vermelha no dia 2 de teste da F1 no Bahrein (Vídeo: Divulgação)

Valtteri Bottas foi o mais rápido do segundo dia de testes coletivos de pré-temporada, neste sábado (13), no Bahrein. Mas nada que animasse muito, porque a Mercedes voltou a ter dificuldades de ajuste e passar menos tempo na pista que as demais. De acordo com o finlandês, a parte traseira é o ponto que mais necessita de trabalho no carro.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Bottas destacou as dificuldades com a parte traseira do carro, mas deixou claro que o segundo dia foi melhor que o primeiro – o que não é surpresa, uma vez que tivera problema no câmbio no começo da sexta-feira.

“Muito melhor que ontem, com certeza. Finalmente consegui algumas voltas e sequências limpas para conhecer melhor o carro e aprender algumas coisas. É sempre bom quando você aprende algo, e os testes são sobre isso, oportunidades de testar diferentes coisas e ver como o carro reage. Como piloto, você usa essa informação no fim de semana de corrida, por isso é tão importante. Se o ajuste funciona ou não funciona, é informação valiosa”, disse.

“Certamente estava com mais vento aqui do que costumamos ter em corridas, mas uma das maiores questões do carro é a traseira. Ainda está escorregando e não perdoa erros. Com esses novos pneus, tudo é bem sensível, então precisamos acalmar o carro”, seguiu.

Valtteri Bottas, o mais rápido do dia. (Foto: Mercedes)

Mas o que quer dizer o fato de andar na frente, ainda que usando os pneus mais macios?

“É muito difícil dizer o que isso significa. Não dá para pular de alegria, é apenas teste. Como sempre, estamos focados em passar pelo programa e maximizar o que aprendemos. Você nunca sabe em que nível de combustível os outros estão andando. Espero que, no fim do dia de amanhã, tenhamos uma ideia melhor”, falou.

Por fim, a expectativa é ter um dia de quilometragem alta no domingo.

“Os testes são limitados e estão bem mais comprometidos para todos neste ano, você tem menos tempo no carro antes da primeira corrida, então eu ficaria feliz de passar pelo último dia tranquilamente, sem problemas. Hoje foi bom, fomos bem velozes em alguns momentos, então só quero dar mais voltas e sentir mais o carro”, finalizou.

GRANDE PRÊMIO traz uma cobertura pra lá de especial dos ensaios da Fórmula 1 em SakhirAcompanhe toda a transmissão dos testes de pré-temporada AO VIVO e em TEMPO REAL.

E, ao fim de cada um dos dias de teste, às 13h (de Brasília), vai ao ar o BRIEFING, programa AO VIVO na GP TV, o canal do GRANDE PRÊMIO no YouTube, com Victor Martins, Evelyn Guimarães e Pedro Henrique Marum presentes à mesa virtual com o debate completo sobre a pré-temporada da Fórmula 1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube