F1

Vettel se diz “feliz, mas nem tanto” e reconhece que Ferrari “tem mais do que um calcanhar de Aquiles” na Espanha

Sebastian Vettel vai alinhar a SF90 #5 na terceira colocação puxando a fila da Ferrari no grid, mas não saiu feliz da classificação deste sábado (11) do GP da Espanha. O alemão se queixou da falta de aderência do carro italiano e citou as dificuldades para tirar desempenho em curvas, especialmente no terceiro setor do circuito espanhol

GRANDE PRÊMIO, de Barcelona / EVELYN GUIMARÃES, de Curitiba
Mesmo com toda a atualização - de motor e parte aerodinâmica - levada para Barcelona, a Ferrari não conseguiu fazer frente à Mercedes. Em nenhum momento, os italianos representaram uma ameaça aos prateados e tiveram de se contentar com a segunda fila do grid. Melhor ferrarista, Sebastian Vettel obteve a terceira posição, enquanto Charles Leclerc sai em quinto, atrás de Max Verstappen. O que impressiona, no entanto, é a diferença imposta pelo pole Valtteri Bottas. São quase 0s9 para o tetracampeão - a maior distância registrada na temporada até aqui.
 
Desde sexta-feira, primeiro dia de treinos livres, o carro vermelho em encarando problemas na pista catalã, mas neste sábado a deficiência ficou mais visível: a SF90 não consegue ter performance no terceiro setor do circuito espanhol e perde demais para os rivais. Só que parece que há mais perdas.
Sebastian Vettel (Foto: AFP)
E Vettel não escondeu a decepção ao descer do carro após o Q3 da classificação em Barcelona, a quinta etapa do campeonato mundial. "Parece ser mais do um calcanhar de Aquiles no momento", disse ao agora repórter Jenson Button no grid.
 
"Ambos [pilotos da Mercedes] estavam muito satisfeitos com o carro. E o último setor para nós é um pouco mais complicado. Acho que tiramos tudo do carro. Estou feliz, mas nem tanto", completou.
 
"O carro não é ruim, mas, obviamente, não somos rápidos o suficiente. No geral, acho que fizemos tudo de maneira correta. Nesses tipos de curvas, você simplesmente precisa de mais aderência, portanto acho que estamos um pouco abaixo nisso", acrescentou o tetracampeão.

A largada da quinta etapa da temporada 2019 do Mundial de F1 acontece neste domingo, a partir de 10h10 (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO, em TEMPO REAL e 'in loco' com o repórter Eric Calduch. Siga tudo aqui.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.