F1

Vettel vê ano de “altos e baixos” e diz que falta “último passo” para Ferrari lutar pelo título até o fim

Sebastian Vettel afirmou que a Ferrari ainda precisa dar um último passo para ter um carro que possa brigar pelo título da F1 da primeira à última corrida. Germânico considerou que 2018 foi um ano de altos e baixos

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Sebastian Vettel acredita que a Ferrari ainda precisa da um “último passo” para poder brigar pelo título da F1 do início ao fim do campeonato. O #5 fechou 2018 com o vice-campeonato.
 
Falando durante a festa de premiação da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), Vettel considerou que 2018 foi um ano de “altos e baixos”, mas avaliou que falta apenas um “último passo” para que a Ferrari possa disputar o título de ponta a ponta.
 
Questionado sobre a premiação da FIA sobre o que precisa da Ferrari para a temporada 2019, Vettel respondeu: “Melhor performance. Acho que é bem simples”.
Sebastian Vettel pediu um carro mais constante para a Ferrari (Foto: Ferrari/Twitter)
“Nós tivemos corridas onde estávamos muito próximos e muito competitivos, e, no geral, nosso carro neste ano foi mais um carro que funcionou em todas as pistas”, apontou. “Então nós tivemos nossos bons momentos e acho que usamos a maioria deles. Mas aí tivemos muitas corridas onde não estávamos lá. Às vezes, por um décimo ou dois, mas, às vezes, por um pouco mais, quando ficamos ser ter muito que fazer no fim de semana. E isso é uma coisa que temos de resolver e tentar controlar melhor no próximo ano”, ponderou.
 
Perguntado sobre seu melhor momento na temporada, Vettel escolheu o GP do Bahrein, mas também celebrou o resultado no Canadá.
 
“Eu diria que o Bahrein, porque, inicialmente, eu não gostava, mas agora eu realmente amo”, contou. “Eu amei o troféu depois da corrida. Foi uma batalha apertada depois das últimas voltas, então foi bom ficar na liderança até o fim”, seguiu.
 
“Aí acho que outra que tem de ser mencionada é o Canadá, especialmente porque foi 40 anos depois de Gilles [Villeneuve] com a Ferrari. Foi um dia muito emocionante”, relatou. 
 
Por fim, Sebastian fez uma avaliação geral da temporada 2018 e considerou que falta pouco para que a Ferrari possa ter chances mais sólidas.
 
“Acho que foi um longo ano, tivemos nossos altos e baixos. Muitos de nós acompanhamos muito de perto, mas, como time, nós fomos capazes de dar outro passo. Ainda assim, falta um último passo para garantir que tenhamos a chance até o fim do campeonato e lutar o tempo todo, e não apenas em algumas partes da temporada”, concluiu.