Williams cita “velocidade de desenvolvimento” e descarta luta com Aston Martin e Alpine

Chefe da Williams, James Vowles admitiu que “não é realista” pensar que a equipe possa ir além do sétimo lugar no Mundial de Construtores em 2024

Depois de terminar na última colocação do Mundial de Construtores em 2022, a Williams conseguiu dar um passo surpreendente no ano passado, ao fechar a tabela no top-7. Em janeiro de 2023, James Vowles chegou à equipe de Grove para substituir Jost Capito na função de chefe da equipe e prometeu mudanças internas extremas. Nas palavras do principal piloto do time, Alexander Albon, o britânico é “responsável por grande parte” do sucesso da esquadra azul na última temporada. No entanto, Vowles prefere manter os pés no chão e, embora acredite em uma evolução, entende que o sétimo lugar ainda é o máximo que a equipe pode alcançar em 2024

Com 28 pontos somados em 2023, a Williams terminou o campeonato com 92 pontos de déficit para a Alpine, a sexta colocada, e 252 pontos para a Aston Martin, que ficou na quinta posição. Em uma entrevista recente dada ao site da revista alemã Auto, Motor und Sport, o dirigente foi questionado sobre a possibilidade da equipe inglesa competir de maneira mais igual contra os franceses e os carros verdes de Lawrence Stroll.

Relacionadas


“Não é algo realista”, respondeu o britânico de 44 anos. “Conheço a verdadeira diferença entre as equipes e sei da nossa velocidade de desenvolvimento.”

LEIA TAMBÉM
+Stop & Go — Alex Albon: “Com experiência de hoje, anos na Red Bull seriam diferentes”

Vowles crê em sucesso a longo prazo da Williams na F1 (Foto: Williams)

Desde que chegou à equipe, James tem sido muito sincero sobre os passos que precisam ser dados para que o time de Grove consiga novamente brigar na parte de cima do grid. De acordo com ele, a Williams precisa investir muito em suas instalações antes de sonhar em ter um carro competitivo.

“O que queremos mudar ainda está muito longe para que possamos dar esse passo no próximo ano. Estou confiante de que estaremos melhor em 2025”, declarou Vowles, que ainda negou que a sua equipe dará um passo maior do que é capaz. “Não farei nada que comprometa o nosso objetivo a longo prazo.”

A Williams marcou para o dia 5 de fevereiro a apresentação do carro da temporada 2024 da F1.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.