Apostando na experiência, Russian Time acerta com Dillmann para ser piloto da equipe na GP2

Experiente nas categorias de base, Tom Dillmann é o primeiro piloto anunciado pela nova equipe da GP2, que chegou para ocupar a vaga deixada pela iSport no início deste ano

A Russian Time tem seu primeiro piloto confirmado para a temporada de estreia na GP2. Piloto da Rapax no último ano, Tom Dillmann acertou para competir pelo novo time e espera ter a chance de disputar posição com as melhores equipes da categoria no futuro.

“Eles são novos no campeonato, mas eles têm tudo certo de que seremos competitivos desde o início. Espero que minha experiência na GP2 ajude ainda mais. Estou convencido de que podemos desafiar outras equipes e pilotos pela vitória rapidamente”, afirmou o francês de 23 anos, que tem experiência na GP3 e na F3 Europeia.

Russian Time é a nova equipe na GP2 (Foto: GP2 Media Service)

Dono da equipe, Igor Mazepa comemorou a contratação de Dillmann e afirmou que o piloto é um dos favoritos ao título desta temporada. “Estou feliz em anunciar Tom Dillmann como piloto da equipe neste ano. Acho que ele será valioso para nossa equipe. Seu talento e experiência serão fundamentais para nosso objetivo”, explicou.

“Além disso, gostaria de acrescentar que acredito que Tom pode ser um candidato ao título desta temporada. Ele tem o que é preciso para vencer. Ele também pode ser um companheiro de equipe muito valioso para quem quiser disputar o título em 2013. No momento, estamos procurando um segundo piloto que nos ajude na luta pelo título do campeonato”, finalizou.

A equipe comprou o espólio da iSport, que anunciou sua saída da GP2 no início deste ano por problemas financeiros

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube