Da Costa usa Hamilton como exemplo de motivação “para deixar marca na Fórmula E”

O português afirmou que assim como o heptacampeão da Fórmula 1, quer quebrar e manter recordes, dizendo que é o que o motiva atualmente

António Félix da CostaLewis Hamilton como grande exemplo a ser seguido. Admirado pelas conquistas do inglês na Fórmula 1, o português afirmou que quer seguir os mesmos passos na Fórmula E, quebrar recordes e deixar sua marca.

Da Costa entrou para a história da categoria elétrica ao conquistar o título da temporada 2019/2020. O caneco veio com duas etapas de antecedência, a decisão mais antecipada ao longo dos seis campeonatos do certame.

Na F1, o piloto da Mercedes entrou em definitivo para a história ao se tornar heptacampeão e igualar Michael Schumacher. Ainda, tratou de bater o alemão em número de vitórias, sustentando 95 triunfos contra 91 do ex-piloto da Ferrari.

Da Costa se inspira em Hamilton para ter motivação (Foto: Fórmula E)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“O que Lewis está fazendo na Fórmula 1 vai me motivar na Fórmula E agora. Quero tentar quebrar e manter recorder, realmente deixar minha marca na categoria. É o que me motiva no momento”, afirmou o competidor de 29 anos.

“Na Europa, se tirar a F1 da equação, a FE é o máximo que posso alcançar, realmente. Não nego, a F1 ainda é a principal categoria do automobilismo, a chave de nosso esporte. Se tirar da equação, estou correndo no Endurance também, terminei em segundo em Le Mans, venci o campeonato da FE. Ficando na Europa, é o máximo que consigo ir”, concluiu.

Na FE desde sua estreia, Antonio já passou pela Aguri, Andretti e atualmente defende a Techeetah, equipe com quem tem contrato até o final da próxima temporada. Ao longo dos seis campeonatos, tem 11 pódios com cinco vitórias.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube